Mediação de Conflitos faz parte da grade do curso de Policiamento Escolar

mediarpm (1)
O III módulo do Curso de Policiamento Escolar reuniu 23 participantes, entre praças e oficiais da Polícia Militar do Estado do Amapá. As instrutoras do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (NUPEMEC), Sônia Regina Ribeiro, Lucilene Miranda e Euzinete Bentes, ministraram a disciplina Mediação de Conflitos.

A Polícia Militar manifestou interesse em obter conhecimento sobre os métodos utilizados no Programa de Mediação de Conflitos Escolar, da Justiça do Amapá.

“O nosso propósito aqui é despertar para a nova política da desjudicialização dos conflitos sociais. Estamos demonstrando o domínio das técnicas que devem ser usadas para resolução de conflitos nas escolas. A Polícia Militar não é só força, mas uma corporação que usa técnicas que vislumbram qualidade nos serviços executados na comunidade”, declarou Lucilene Miranda.

Jean Robert, capitão da Polícia Militar, destacou a importância da realização do curso que objetiva aprimorar as técnicas adotadas pelos policiais militares que fazem o policiamento escolar em Macapá e Santana.

mediarpm_8

“Estamos aproveitando o mês de julho, mês das férias escolares, para capacitar os policiais militares que trabalham no policiamento escolar, visando aprimorar as técnicas usadas nas abordagens internas e externas nas escolas estaduais, municipais e particulares. A intenção é obter conhecimento sobre as novas estratégias que a polícia militar deve utilizar para resolver os conflitos que acontecem nas escolas, envolvendo alunos, corpo técnico e a própria comunidade dos arredores dos estabelecimentos de ensino”.

O III Curso de Policiamento Escolar teve início no dia 20 de julho e encerra no dia 02 de agosto.

Assessoria de Comunicação Social

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *