MP-AP apresenta Carteira de Projetos de 2021 para a Bancada Federal amapaense

A procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Amapá (MP-AP), Ivana Lúcia Franco Cei, membros do Colégio de Procuradores e dirigentes da instituição reuniram, nessa sexta-feira (22), com a Bancada Federal amapaense, para apresentar a Carteira de Projetos de 2021 – da instituição – aos parlamentares federais. Durante o encontro, ocorrido na sala de reuniões da Procuradoria-Geral de Justiça – Promotor Haroldo Franco, em formato híbrido, também houve a prestação de contas dos recursos alocados em anos anteriores.

“O ano de 2020 foi marcado pela pandemia que assola o mundo e que, infelizmente, recrudesceu no Amapá. Esse cenário nos obriga a utilizar a tecnologia da informação cada vez mais, para seguir atendendo e protegendo o cidadão. Além disso, tivemos os nossos problemas locais e mais do que nunca, com alternativas remotas e virtuais, fizemos de ações e executados projetos que garantiram e democratizem o acesso à justiça para todos, contextualizou a PGJ, Ivana Cei.

Todos os projetos de 2021 seguem na esteira do permanente processo de transformação digital em curso no MP-AP, com objetivo de tornar a prestação dos serviços nas Promotorias cada vez mais eficiente, célere e automatizada, seja pelo acesso à informação dos que buscam o órgão em defesa de seus direitos e, também, para as atividades de investigação e combate ao crime organizado em suas variadas vertentes.

Oito iniciativas formam a Carteira de Projetos, que vão desde a modernização da instituição, visando melhoria operacional das atividades institucionais e finalísticas, até investimentos em tecnologia, para implantar um banco de dados investigativo e suporte às ações itinerantes, que levam os serviços do MP-AP para dentro das comunidades, facilitando o acesso do cidadão ao órgão ministerial.

Dentre os projetos, destaque para os que visam fortalecer as ferramentas de combate às organizações criminosas, tais como: a modernização de infraestrutura de redes e servidores utilizados para sustentação da comunicação e arquivamento de provas; aquisição de equipamentos e softwares inteligentes especializados em investigação, análise e gerenciamento de evidências de crime.

Presentes na reunião o senador o senador Lucas Barreto; o coordenador da Bancada Federal, deputado André Abdon, e a deputada Aline Gurgel, além dos parlamentares Davi Alcolumpre, representando pelo seu suplente, Josiel Alcolumbre; e os deputados Luiz Carlos, Marcivânia Flexa, Acácio Favacho (no evento representada pela vereadora de Macapá, Luany Favacho), Vinícius Gurgel e Camilo Capiberibe, todos representados por seus respectivos assessores.

O senador Lucas Barreto destacou a satisfação dos integrantes da Bancada em alocarem recursos para uma instituição absolutamente comprometida com a defesa dos interesses sociais. “Fazer uma reunião com essa e prestar contas de tudo que vem sendo executado só renova nosso compromisso em continuar apoiando esse projetos, pois sabemos da relevância e do trabalho fundamental prestado pelo Ministério Público do Amapá”, disse.

“Reafirmo que todos os integrantes da nossa Bancada no Congresso Nacional sempre estiveram à disposição para apoiar os projetos do MP-AP, pois sabemos da relevância e alcance social de todas essas iniciativas”, manifestou o coordenador da Bancada, deputado federal André Abdon.

Referência Nacional

O MP-AP é considerado uma referência nacional, servindo de exemplo a outros MPs estaduais, justamente, por essa capacidade de articulação institucional, precisão na execução dos projetos, aplicação dos recursos e a devida prestação de contas. Em 2019, a PGJ Ivana Cei palestrou no Ministério Público de Pernambuco (MP/PE) sobre as boas práticas adotadas na instituição, fruto da construção de uma relação respeitosa, republicana e exitosa com a Bancada.

“Gostaria de destacar, ao final, que o apoio e a união da Bancada Federal do Amapá, diante dos grande problemas do Estado, tem sido fundamental para superação de enormes desafios e crises. Ao apoiar os projetos apresentados pelo MP-AP, os parlamentares também demonstram compromisso com o crescimento e fortalecimento de instituições que atuam em defesa da sociedade e que lutam por justiça e paz social. Agradecemos mais vez a poio de todos”, reforçou Ivana Cei.

Serviço:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Gerente de Comunicação – Tanha Silva
Texto: Ana Girlene
Com ajuda fotográfica de Clay Sam
Núcleo de Imprensa
Contato: [email protected]

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *