MP-AP distribui 2.200 “Face Shield’s” para prevenção ao contágio da Covid-19 à unidades de saúde de Macapá

O Ministério Público do Amapá (MP-AP) realizou, nesta quarta-feira (6), no auditório da Procuradoria-Geral de Justiça – Promotor de Justiça Haroldo Franco, a entrega de 2.200 protetores faciais tipo “Face Shield’s”, para combate ao contágio e prevenção à pandemia da Covid-19, em Macapá. Os Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) foram distribuídos para a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Hospital de Emergências (HE), Hospital da Criança e do Adolescente (HCA) e Hospital Alberto Lima (Hcal). Os EPI’s ajudarão na proteção dos trabalhadores que estão na linha de frente no atendimento ao público, garantindo o serviço seguro a todos.

Os EPI’s são fruto de doação do Instituto de Estudos Sustentáveis e Tecnológicos da Amazônia (Amazôniatec), entidade que faz parte da rede “União BR”. A União consiste em um grupo de empresas que trabalham em cooperação com instituições públicas para promover boas práticas.

De acordo com o presidente da Amazôniatec, Rodrigo Huhn, que não pode estar presente no momento da entrega, o MP-AP foi o órgão de enfrentamento e mobilização nas ações de combate à crise pandêmica e também durante o apagão – que afetou 13 dos 16 municípios -, por isso foi escolhido para receber a doação dos EPI’s, feita por um doador anônimo do Texas (EUA). Ele ressaltou que a articulação foi efetivada pessoalmente pela procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Amapá, Ivana Cei.

O trabalho de recebimento, no total de 22 caixas, com 100 equipamentos cada, e a distribuição dos EPI’S contou com o auxílio da diretora do Departamento de Apoio Administrativo do Ministério Público do Amapá, Silvéria Reis e do gerente do Setor de Qualidade de Vida do MP-AP, José Villas Boas. O HCAL foi contemplado com 1.000 face shilds; o HE com 200 EPI’s; o HCA obteve 500 peças do utensílio, e a Semsa recebeu 500 unidades do material.

Receberam o material a titular da Semsa, Karlene Aguiar e os diretores do HE, Hcal e HCA, Jorleu Ardasse, Rafael Santiago Maria das Graças, respectivamente. O gestor do Hospital de Emergências, a “Face Shield” é de fundamental importância para ajudar no combate à propagação do vírus e faz parte da lista de EPI’s corretamente usados na prevenção da enfermidade.

“Agradeço ao Ministério Público pela doação. Esse material vem em boa hora, já que estamos nos preparando para um pico de elevação da curva de contaminação do Coronavírus. Então esses kits vem ajudar nossa equipe profissional a estar na linha de frente”, frisou Jorleu Ardasse.

Na ocasião, a PGJ do MP-AP se colocou à disposição dos gestores da saúde. Ivana Cei orientou os presentes para que façam requerimentos ao órgão ministerial para que o Ministério Público possa, dentro de suas possibilidades, ajudar com outras doações.

Essas parcerias são fundamentais para que juntos possamos combater e prevenir a proliferação da Covid-19. E, ainda, proteger os profissionais no enfrentamento da pandemia. Agradecemos a iniciativa da Amazôniatec. Coloco-me a disposição de vocês para ajudar no que for preciso no combate a pandemia, como fizemos desde o início desta crise. Precisamos saber a necessidade de cada unidade de saúde para conseguirmos arrecadar fundos e ajudar quem está na linha de frente do combate ao Coronavírus. O envolvimento institucional faz a diferença positivamente neste momento. O MP-AP seguirá empenha nessa luta”, pontuou a PGJ Ivana Cei.

Serviço:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Gerente de Comunicação – Tanha Silva
Núcleo de Imprensa
Texto: Elton Tavares, Vanessa Albino e Halanna Sanches
Contato: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *