MP-AP e órgãos de segurança pública compartilham experiências para o fortalecimento do combate à criminalidade e corrupção no Estado

Membros do Ministério Público do Amapá (MP-AP), Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU), Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) e Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (IAPEN) reuniram-se nesta sexta-feira, (3), para uma troca de experiências relacionadas a investigações de combate à criminalidade e corrupção. O encontro foi promovido pelo Laboratório de Tecnologia e Combate à Lavagem de Dinheiro (LAB-LD) do órgão ministerial e visa o reforço das ações dessas instituições.

A reunião contou com a presença e explanação do instrutor da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), Robson Feyh. O especialista discorreu sobre a Metodologia e Procedimentos de Análise de Dados Telefônicos, e Metodologia e Procedimentos de Análise de Dados Financeiros, no Curso de Inteligência Financeira, promovido pela Senasp.

De acordo com o assessor do Procurador-Geral de Justiça e promotor de Justiça titular da 2ª Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público, da Probidade Administrativa e das Fundações de Macapá (Prodemap), Laércio Nunes Mendes, a qualificação é fundamental para o apoio às investigações e ações em curso, executadas pelo MP-AP e demais órgãos que atuam no setor.

Pretendemos reforçar e intensificar nosso trabalho de investigação. O LAB-LD tem realizado um excelente trabalho e colocamos essa tecnologia à disposição dos órgãos de combate ao crime”, frisou Laércio Mendes.

O LAB-LD

O LAB-LD é resultado de um Acordo de Cooperação Federativo firmado, em novembro de 2013, entre a Procuradoria Geral de Justiça do MP-AP, a Secretaria Nacional de Justiça do Ministério da Justiça (SNJ/MJ) e a Secretaria de Segurança Pública Estado do Amapá.

O Laboratório presta apoio às promotorias fazendo análise de material com indícios de lavagem de dinheiro e corrupção e produzindo informações estratégicas, agregando valor às provas coletadas. Pelas características de atuação, as maiores demandas do LAB-LD são da Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Cultural e Público e Promotoria de Investigações Cíveis e Criminais.

SERVIÇO:

Elton Tavares
Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Contato: (96) 3198-1616
E-mail: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *