MP-AP inspeciona delegacias, Politec e Batalhões da Polícia Militar nos municípios de Santana e Laranjal do Jari

O Ministério Público do Amapá (MP-AP), por meio da Promotoria de Laranjal do Jari e da 2ª Promotoria de Justiça Criminal e Tribunal do Júri de Santana, visitou as Delegacias de Polícia Civil, Batalhões da Polícia Militar e a Polícia Técnico-Científica do Amapá (Politec). A iniciativa teve como objetivo cumprir os formulários de visitas técnicas nesses órgãos, atendendo determinação do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

Na segunda-feira (14), a promotora de Justiça Neuza Rodrigues Barbosa, titular da 2ª Promotoria de Justiça Criminal e Tribunal do Júri de Santana, fez as visitas na Politec, na 1ª e 2ª Delegacia de Polícia Civil, nas presenças do delegado Victor Crispim Vinagre e da delegada Luíza Rosa Maia Barros, respectivamente. No 4º Batalhão da Polícia Militar foi acompanhada pelo tenente-coronel André Luis Souza Marques de Carvalho.

A mesma ação foi realizada no município de Laranjal do Jari, pela Promotoria de Justiça de Laranjal do Jari. As inspeções foram feitas, nos dias 3 e 8 de setembro, pela promotora de Justiça Samile Alcolumbre, nas presenças do delegado Rômulo Viegas, na 1ª Delegacia de Polícia Civil, da delegada Ellen Gomes, na Delegacia de Polícia da Mulher, e do major Michael Tarik Moraes da Cunha, no 11º Batalhão da Polícia Militar.

As Promotoras de Justiça reforçam a importância das inspeções nos órgãos e feitas para cumprir determinações do CNMP, pois elas mostram o comprometimento do Ministério Público em estar presente, fiscalizando e ajudando em suas demandas e necessidades. As visitam devem ocorrer nos dois semestres, iniciando no mês de maio, porém devido ao isolamento social causado pela pandemia da Covid-19, só foi possível a realização das mesmas agora em setembro.

Serviço:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Gerente de Comunicação – Tanha Silva
Núcleo de Imprensa
Coordenação: Gilvana Santos
Texto: Vanessa Albino
Contato: [email protected]


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *