MP-AP recomenda que Glicério Marques não seja utilizado por falta de segurança

promotor-do-consumidor-luiz-marcos-da-silva

O Ministério Público do Estado do Amapá (MP-AP), por meio da Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor (PRODECON), expediu a Recomendação nº 002/2016, para que a Prefeitura Municipal de Macapá se abstenha de utilizar o Estádio Glicério de Souza Marques para eventos esportivos e/ou artísticos.

A Promotoria do Consumidor, com base no Inquérito Civil Público nº 0001948-17.2014.9.04.0001, instaurado em razão da falta de segurança no Estádio Municipal, adverte ao município para a suspensão dos eventos até que este estabeleça condições de segurança no local.

O titular da PRODECON, promotor de Justiça Luiz Marcos da Silva, ao expedir a Recomendação, levou em consideração “que a Política Nacional de Relações de Consumo objetiva a proteção do consumidor em sentido amplo, tendo em vista o reconhecimento de sua vulnerabilidade e hipossuficiência no mercado de consumo”.

Neste sentido, recomenda o MP-AP à Prefeitura de Macapá e à Coordenadoria Municipal de Esporte e Lazer “para se abster de se utilizar do Estádio Glicério de Souza Marques para eventos esportivos e/ou artísticos até que as condições de segurança sejam estabelecidas”.

SERVIÇO:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Estado do Amapá
Contato: (96) 3198-1616/(96) Email: asscom@mpap.mp.br

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*