Música de agora: Dreams Never End (Sonhos Nunca Acabam) – New Order

Dreams Never End (Sonhos Nunca Acabam) – New Order

Minha promessa poderia ser seu demônio
Um término dado aos seus sonhos
Um movimento ou uma rima simples
Poderiam ser o menor dos sinais
Nunca saberemos o que eles são ou do que gostam
Nessa visão escapista
Não há saída, tão poucos com medo
Desistir num valor mutável
Para ser dado à sua visão
Escondido numa longa noite pacífica
Um noiva nervosa para seus olhos
Um sorriso fraturado que morre logo
Um amor que está errado, de sua vida e alma
Um lado selvagem em mim, começou
Oi, adeus a seu amor e sua alma
Oi, adeus à sua alma
Agora eu sei o que estas mãos fariam
Sem olhar para trás agora, estamos levando a cabo
Mudaremos nossos sentimentos, experimentaremos e veremos
Mas nunca adivinharemos como ele gritaria
Mas nunca adivinharemos como ele gritaria
Mas nunca adivinharemos como ele gritaria

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *