Não deu para o Mengão


É amigos flamenguistas, nós perdemos. Perder NUNCA é bacana, mas perdemos na bola, sem choro da minha parte. Tudo bem, o pênalti a favor do Vasco não existiu, mas isso faz parte do futebol. Poderia ser o contrário, portanto, não é desculpa. 

Podíamos ter vencido o clássico, mas não deu e o mérito é do Vasco. Que fique claro, como bom Flamenguista, detesto o Vasco, mas não os vascaínos, pois tenho muitos amigos entre os “cruzmaltinos”. 

Com a derrota de ontem (22), o Flamengo afundou em uma crise maior ainda, depois de ser eliminado da Libertadores da América, o campeonato carioca era a única chance de não sair ridicularizado do primeiro semestre de 2012. E isso é fato. 

Por sorte, pura sorte do Vasco, o Flamengo não empatou o jogo, mas a “picíca” da braba não tira o mérito do Vasco, que jogou muito no primeiro tempo. Não é legal escolher somente um culpado, já que o futebol é coletivo. Mas que o Ronaldinho Gaúcho estava mais preocupado com sua bandana, ah isso tava. 

Futebol tem erros mesmo, tem violência, tem paixão, sofrimento, alegria , tem encarnação do vencedor, mordição do perdedor e etc. Por todos os elementos que envolvem este esporte (tem alguns que não gostam, azar o deles) que ele é tal amado. Agora é a vez dos vascaínos tirarem com a nossa cara, simples assim. Afinal, faz parte da coisa. 

Dedico este texto aos amigos que devem estar sorridentes nesta segunda-feira: 

Marcelo Guido, Anderson Macaco, Gilvana Santos, Juçara Menezes, Duda, Regina Bortman, Bia Andrade, Rita Freire, Célio Lopes, Marcelo Lima, Max Renê, Black Sabá, Jaílson Santos, Bruno Mont’Alverne, Lígia Cândido, Petton Laurindo, Márcio André (Caniço) e Beah. Parabéns!

Ah, ia esquecendo. Sou um péssimo perdedor e somente a seleção argentina ganha do Vasco na minha escala de antipatia futebolística, por isso, agora sou Botafogo. 

Elton Tavares
Compartilhe isso!

Deixe um comentário

Commentários
  1. Anonymous
  2. Anonymous
  3. Bianca Andrade
  4. Marcelo Guido
  5. celio.silva.lopes
  6. celio.silva.lopes

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*