Neste sábado (21), rola o show “A Barca do Iraguany, uma Barca para o Círio de Nazaré”, no Bar do Vila

Neste sábado (21), partir das 20h, no Bar do Vila, vai rolar “A Barca do Iraguany, uma Barca para o Círio de Nazaré”. A noite contará com apresentações dos músicos com Ricardo Yraguany, Laura do Marabaixo e convidados: Enrico di Miceli; Banzeiro Brilho de fogo; Oneide Bastos; Rony Moraes; a poesia de Andreia Lopes e Mary Baraka, além da performance da DJ Insane.

“A Barca do Iraguany, uma Barca para o Círio de Nazaré” é um projeto artístico cultural que busca reunir os diversos seguimentos da nossa cultura como: música, teatro, dança, poesia, capoeira, entre outros, para homenagear o tradicional Círio de Nossa Senhora de Nazaré.

O projeto é itinerante e está em sua quinta edição, este ano será realizado no Bar do Vila, onde Barca do Iraguany e Laura do Marabaixo receberão os artistas.

O objetivo é despertar a atenção do público para a importância de valorizar a nossa diversidade cultural e religiosa, como pleno exercício de cidadania proporcionar a interação do público com apresentações culturais com mensagens de fé, paz, amor, esperança, solidariedade e exaltação de nossa senhora e ao Círio de Nazaré; o Bar do Vila funcionará como posto de arrecadação de água pra distribuir no Círio.

Breve histórico do Círio de Nazaré:

O primeiro círio Nossa Senhora de Nazaré foi realizada no ano de 1934, quando Macapá ainda pertencia ao Estado do Pará, e foi idealizada pelo entusiasmo do Senhor Major Eliezer Levy, Prefeito Municipal da cidade que juntamente com outras pessoas macapaenses como: José Santana, Martinho Borges da Fonseca, Cesário dos Reis Cavalcante, Manoel Eudóxio Pereira, Sophia Mendes Coutinho, Ernestina Santana, Rita Cavalcante e Tereza Serra e Silva, organizaram, e levaram em frente a feliz ideia e assim, deu-se a realização do primeiro “Círio” de Nazaré em 06 de novembro de 1934, e que, apesar das dificuldades da época, o mesmo revestiu-se de grande beleza.

A transladação noturna da imagem de Nazaré, na véspera do Círio, saiu da Igreja de São José, para a residência do Senhor Cesário dos Reis Cavalcante, localizada na chamada “Rua da Praia”, hoje, Avenida Amazonas, e dessa novamente, para a Matriz de São José. O cortejo do Círio foi pequeno, porém, bem organizado; na frente um esquadrão de vinte (20) cavaleiros, logo em seguida anjos conduzindo as bandeiras do Brasil e da Igreja, continuando o carro dos anjos e o “Escaler” da Marujada, rememorando um dos milagres da Virgem Finalmente a Berlinda levando a Imagem da Virgem de Nazaré.

Atualmente nove romarias fazem parte da programação oficial do Círio de Nazaré, em Macapá, no Amapá. A cada ano, mais fiéis aderem às manifestações de carinho por Nossa Senhora nessas programações, além da grande procissão que acontecerá no domingo dia (14). Cada caminhada tem um significado e importância, segundo os organizadores. A grande procissão já é realizada há mais de 80 anos na capital amapaense.

A mais nova romaria é dos Ciclistas que vai ocorrer pelo quarto ano, também é público e notório o quanto o Círio movimenta a economia, e o trânsito de pessoas em nossa cidade, sendo este um momento muito oportuno para que a nossa cultura que é a alma do no nosso povo seja exaltada.

Serviço:

“A Barca do Iraguany, uma Barca para o Círio de Nazaré”,
Local: Bar do Vila, localizado na Avenida Mendonça Furtado, Nº 586, no centro de Macapá.
Data: 21/09/2019
Hora: a partir das 20h

Texto: Ricardo Iraguany e Andreia Lopes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *