Noites quentes e divertidas

                                                            Por Elton Tavares
Show no Prato de Barro.
Bar do Francês.
Good Night.
Orla de Macapá.
As últimas noites foram muito quentes e divertidas. Muitos amigos e trilhas sonoras recheadas de rock and roll. É realmente muito bom estar no meio de gente querida, conversar, ouvir música, falar besteiras, rir e até cometer gordices, como o sanduba do fim de noite. É como dizem:” o que é legal é imoral, ilegal ou engorda”, bom, nem tudo.
 Este post é só para registrar os momentos legais ao lado dos velhos e novos amigos. Ah, lembrei de um texto legal do velho Oscar Wilde. Nele,  o escritor inglês descreve com exatidão o que falo, leiam:

“Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela

pupila.

Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante.

A mim não interessam os bons de espíritos nem os maus de hábitos.

Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo.

Deles não quero resposta, quero meu avesso.

Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim.

Para isso, só sendo louco.

Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas

injustiças.

Escolho meus amigos pela cara lavada e pela alma exposta.

Não quero só o ombro ou colo, quero também sua maior alegria.

Amigo que não ri junto não sabe sofrer junto.

Meus amigos são todos assim, metade bobeira, metade seriedade.

Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos.

Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de

aprendizagem, mas que lutam para que a fantasia não desapareça.

Não quero amigos adultos nem chatos.

Quero-os metade infância e outra metade velhice!

Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para

que nunca tenham pressa.

Tenho amigos para saber quem eu sou.

Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me

esquecerei que “normalidade” é uma ilusão imbecil e estéril.”

Oscar Wilde
  • Avatar

    Eu estive em uma dessas noites quentes e divertidas. E foi ótimo!
    Das noites quentes eu sou suspeita pra falar. Dá vontade de tomar uma cerveja bem gelada e beijar na boca!
    ahauhauhauhauahuah
    Beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *