NOTA DE REPÚDIO do Coren-AP

O Coren-AP, vem a público manifestar seu repúdio diante da conduta e aos ataques verbais proferidos de forma desrespeitosa por parte do Profissional Médico e Conselheiro Fiscal do CRM-AP direcionado à categoria dos Profissionais de Enfermagem.

O fato ocorreu na última quarta-feira dia 1°, durante ação fiscalizatória na Unidade Básica de Saúde – Beira Rio localizada no Município de Vitória do Jarí (Centro de Atendimento a Covid-19), onde o representante do Conselho Regional de Medicina do Amapá, menosprezou o exercício do Profissional de Enfermagem ao proferir palavras no tom descortês, desrespeitosa e arrogante, quando afirmou em sua oratória que: “O Profissional de Enfermagem, não tinha capacidade de atuação clínica em relação a covid-19”.

“Vale salientar que, não é atribuição do CRM-AP analisar as competências dos Profissionais de Enfermagem. Lamentamos tal postura e este clima de rivalidade incentivado por esse tipo de declaração, em um dado momento que requer a união de todos para que possamos salvaguarda os princípios básicos que norteiam o SUS e em especial no cenário que estamos enfrentando”. Destacou a presidente do Conselho Regional de Enfermagem, Dra.Emília Pimentel.

O Regional cobrará uma posição do CRM-AP em relação à atitude do profissional médico e conselheiro da instituição, que fere a ética da conduta profissional, uma vez que o mesmo impôs seu cargo e sua função médica para desmerecer e fazer ameaças usando desta condição como prerrogativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *