O Grupo Âmago estreia seu novo espetáculo denominado “Retalhos De Nós ” no evento Movimento Contemporâneo em Belém do Pará.

Fotógrafo: Igor Hanon.

O evento tem o objetivo de promover intercâmbio entre Belém e outras regiões. Neste momento, será entre Belém e Macapá, evidenciando a dança contemporânea com espetáculos e workshop. Os convidados deste ano serão a Cia de Dança Caminhos-PA e Grupo Âmago-AP.

Os nossos retalhos/vivências pessoais são férteis em apontar fatos sociais que nos constroem como indivíduos em uma sociedade capitalista, machista, racista e patriarcal. Que por sua vez nos torna seres mentalmente fragilizados e emocionalmente instáveis, em uma constate e trágica travessia pelos processos da vida.

Nós, amazônidas , amapaenses, nortistas e pobres somos corpos “bárbaros” na formação da sociedade brasileira. Marcados pelos cognominados e estereótipos preconceituosos que legitimam diversas formas de violências contra a nossa existência. Nós enquanto grupo somos representantes latentes daqueles marcados dia-a-dia pela fúria social.

Em coletivo, o Grupo Âmago amplifica através de seus corpos e vozes, vivências individuais que manifestam desejos e urgências de uma geração adoecida e sobrecarregada pelos mais diversos fatos sociais. O grupo convoca os expectadores presentes em cena para retalharem as suas vivências, costurarem-se uma nas outras, limparem suas feridas externas e internas, para que juntos possamos construir uma potente colcha de retalhos que nos permita seguir em frente e libertados das nossas prisões.

O espetáculo é um manifesto vivo, carregado de sentimentos, memórias e sentidos políticos, um grito necessário contra o condicionamento social que vivemos e que nos aprisionam mentalmente em nós.

A partir de fragmentos pessoais do elenco, o espetáculo provoca o público a refletir sobre o seu lugar na sociedade, as expectações de si e estimula a construção coletiva de uma rede sensorial capaz de ressignificar vivências, reagir a violações e lutar pela libertação.

Fotógrafo: Luan Macêdo.

QUEM SOMOS NÓS ?

Instagram: grupo_amago (https://www.instagram.com/grupo_amago/)

O Grupo surgiu em 2018, no município de Macapá, estado do Amapá, composto atualmente por sete bailarinos. Com uma proposta inovadora de fazer e ensinar dança no estado do Amapá, o grupo escolheu a dança contemporânea como principal linguagem artística utilizando o teatro e a performance para a composição de suas obras. O que é ser âmago? É o mais puro significado da palavra – o que vem de dentro. Através de exercícios de autoconhecimento é possível instigar o indivíduo não somente a dançar com uma técnica específica ou simplesmente com o corpo em movimento, mas sim com uma poética visceral que parte de dentro para fora, a ponto de contagiar quem aprecia.

O Grupo Âmago se comunica artisticamente para além da dança, trabalhando também com o teatro, a música, a poesia, a arte-visual e o audiovisual para se comunicar com o público. Trata- se de um grupo artístico independe, além de produtor cultural, que é coordenado, organizado e dirigido pelos próprios bailarinos. Através das vivências e saberes entre os membros, criou-se o método âmago, uma metodologia de ensino sobre a dança que aborda o indivíduo de maneira humanizada, ensinando todos os segmentos da arte que trabalham a movimentação corporal e resgatando vivências corporais individuais. Com uma abordagem filosófica, o método convida o indivíduo afazer uma profunda reflexão sobre a sua existência juntamente com suas relações sociais.

Possui diversas premiações em competições, além de apresentações dentro do estado do Amapá o Grupo já se apresentou em outros estados, como no 39° Festival de Dança de Joinville, e fora do Brasil, se apresentou na Guiana Francesa com o Espetáculo Remonta, possui a sua arte mencionada em trabalhos científicos, como o apresentado no 15º Congresso Internacional Rede Unida, intitulado: Âmago: Arte de (Re)Existir e Reflexão, contando um pouco da história do Grupo e suas práticas de dança dentro e fora do estado. Possui ainda uma crítica escrito pelo crítico de arte Dr. Joaquim Netto.

Ficha técnica

Direção/Produção Artística: Pablo Sena
Produção: Grupo Âmago
Auxiliar de Produção: Andrey William, Mariana Andrade, João Amorim
Dramaturgia: Coletiva pelo Grupo Âmago
Coreografia: Pablo Sena
Elenco: Aline Pires, Amanda Galvão, Doriely Ribeiro, Gabriella Furtado, Guilherme Santos, Letícia Paixão e Pablo Sena.
Assistente de Iluminação: João Amorim
Cenografia e Adereços: Gabriella Furtado
Figurino e Visagismo: Grupo Âmago
Comunicação: Letícia Paixão e Amanda Galvão
Artista/ Projeto Gráfico: Grupo Âmago
Fotografia: Luan Macêdo, Tailon Pinheiro e Igor Hanon
Assessoria de imprensa: Acessa Cult Produções – Kássia Modesto

DIAS: 28,29 E 30 de abril
LOCAL: Teatro Waldemar Henrique
Av. Pres. Vargas, 645 – Campina, Belém – PA, 66017-000
INGRESSOS: R40,00

Assessoria de comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *