Ô São José da Beira Mar, protegei meu Macapá…

                                                                                               Por Elton Tavares

Foto: Alcilene Cavalcante (eu roubei do blog dela, risos)
Hoje comemoramos o dia de São José, padroeiro de Macapá. Um figura que nunca cansou de ficar de pé na Pedra do Guindaste, de frente para o Amazonas, sempre “vigiando” a nossa capital, contra maldades exteriores.

O problema é que Jusa está de costas para muita coisa errada, não sou muito religioso, mas respeito as crenças dos outros. Tomara que o nobre carpinteiro interceda contra a corrupção, criminalidade e trânsito pirado, tudo em escala muito alta para uma capital tão pequena.

Claro que não espero que o padroeiro resolva tudo, mas pelo menos amenize, pois ele não é seu filho, o grande JC. Li em outro blog que possivelmente candidatos aos cargos públicos estariam na procissão em homenagem ao santo, boto fé! Não se deixem enganar por falsa religiosidade e sorrisos amarelos.

Eu amo Macapá, nasci e me criei aqui, estamos ás portas de mais um pleito, eles estão á solta, só tramando como farão desta vez, que São José olhe por nós. Tomara que seja como diz o poeta: “Ô São José da Beira Mar, protegei meu Macapá…”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *