Oficinas gratuitas de música acontecem nos dias 3 e 4 de julho na Ueap

A Universidade do Estado do Amapá (Ueap) realiza nesta terça e quarta-feira (3 e 4 de julho) as oficinas gratuitas de música com aulas de introdução ao violão, piano, flauta doce e canto coral. Foram ofertadas 55 vagas como parte da programação de inauguração do Centro de Educação Profissional de Música Walkiria Lima, prevista para quinta-feira, 5, pelo Governo do Amapá.

As inscrições estavam previstas para encerrar na sexta-feira, 29. Mas, devido à grande procura, todas as vagas foram preenchidas um dia antes. A Ueap fez uma lista de espera e, caso algum participante desista, entrará em contato com quem ficou de fora, para que as turmas sejam preenchidas.

As aulas serão realizadas no mini-auditório III da universidade, localizado no campus I, na Avenida Presidente Vargas, no Centro de Macapá. A iniciativa visa atender adolescentes, jovens e adultos interessados no aprendizado musical.

De acordo com a coordenadora do Curso de Licenciatura em Música da Ueap, Ana Paula Amaral, o objetivo é atender pessoas que nunca tiveram aprendizado musical e contribuir com a formação dos acadêmicos, que vão atuar como monitores nas oficinas.

“A procura foi grande, por aqueles que nunca ingressaram em uma escola de música, principalmente crianças, o que nos ajuda a mapear o nosso público alvo. Os professores e alunos do curso de música sempre tiveram desejo de fazer extensão e, assim, atender uma demanda que existe na sociedade, que é a busca pelo aprendizado de um instrumento musical”, destaca Ana Paula.

As instruções de violão devem ocorrer de 8h às 10h e serão ministradas pelo professor Emanuel Cordeiro e pelo monitor Filipp Sena. Já a oficina de flauta doce será ministrada de 10h às 12h, pela professora Miizraim Sara Oliveira e pelos monitores acadêmicos Felipe Nascimento e Tânia Guedes. A introdução ao piano ocorrerá de 14h às 16h. As oficinas de canto coral serão de 16h às 18h, sob a responsabilidade do professor Tiago Costa e dos monitores acadêmicos Ana Letícia Sfair e Junior Oliveira.

Fonte: Correio Amapaense


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *