Oscar, o cara!


Sim, meus caros. Oscar foi o cara desse jogo de estreia, em que o Brasil cravou 3 a 1 na Croácia, de virada, na abertura da Copa.

Ele desequilibrou. Fez desarmes sensacionais. Marcou, atacou, driblou e no final, como prêmio à sua bela atuação, um golaço.

Meio de bico. Mas gol, de qualquer forma.

Neymar, reconheça-se, também fez uma grande partida. E tanto é que marcou dois gols, um deles de pênalti, na opinião aqui do pessoal da redação, inexisente.

Mas o cara, sem dúvida, foi Oscar.

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*