Pesquisadores recebem treinamento para avaliação econômica de sistemas de produção

embrapa

Pesquisadores e analistas da Embrapa Amapá participam nos dias 3 e 4 de dezembro, em Macapá (AP), de uma capacitação sobre caracterização e avaliação econômica de sistemas de produção com uso do software Avetec. O treinamento faz parte de um projeto componente da Rede de Pesquisas Fluxus, que estuda a emissão de gases de efeito estufa e balanço de carbono em sistemas de produção de grãos no Brasil.

Os instrutores da capacitação são os pesquisadores Rosana do Carmo Nascimento Guiucci, da Secretaria de Desenvolvimento Institucional da sede da Embrapa; Ana Laura dos Santos Sena, da Embrapa Amazônia Oriental (Pará) e Jair Carvalho dos Santos, da Embrapa Amazônia Ocidental (Amazonas). Como parte da programação, serão abordados temas como a metodologia de avaliação dos sistemas de produção agropecuários (teoria e princípios), levantamento de dados, além de exercícios práticos de cálculo e interpretação de indicadores de eficiência econômica utilizando a planilha Excel.

A tecnologia a ser trabalhada durante o treinamento, como estudo de caso, é o manejo de mínimo impacto de açaizais nativos, desenvolvida pela Embrapa Amapá. A Embrapa Amapá realiza esta capacitação, em parceria com a Embrapa Monitoramento por Satélite, sediada em Campinas (SP) e Secretaria de Gestão e Desenvolvimento Institucional (SGI).

Análise climática

A Rede de Pesquisas Fluxus é liderada pela Embrapa Arroz e Feijão (Goiás). Um dos objetivos é avaliar a dinâmica de fluxos de gases de efeito estufa, fatores de emissão e o balanço de carbono em sistemas de produção de grãos no bioma Amazônia. No âmbito do Amapá, a pesquisa viabiliza análises de gases de efeito estufa em sistemas de produção de milho, soja, feijão-caupi e arroz cultivados em amostras coletadas no Campo Experimental do Cerrado, localizado no km 45 da BR-156, e em áreas de produtores. A Embrapa Amazônia Oriental (Pará) dispõe de equipamento para análise das coletas realizadas pela Embrapa Amapá. Trata-se de um cromatógrafo gasoso, usado para analisar o teor de metano e oxido nitroso, além de possibilitar o estudo do impacto de sistemas de uso da terra sobre a emissão de gases de efeito estufa a partir do solo.

Os resultados esperados servirão para compor um banco de dados que será correlacionado com o fluxo de gases, especialmente metano, gás carbônico e óxido nitroso. Outra atividade de responsabilidade da Embrapa Amapá é a mensuração do fluxo de gases traco na cultura do milho, em sistema convencional e na palha, durante quatro anos.

Serviço:
Treinamento metodológico sobre caracterização e avaliação econômica de sistemas de produção com uso do software Avetec.
Data: 3 e 4 de dezembro de 2014
Local: Embrapa Amapá (Auditório auxiliar)

Programação:

3 de dezembro de 2014 (quarta-feira)

8h- Recepção e credenciamento dos participantes.
9h- Abertura- Dr. Jorge Yared – Chefe- Geral da Embrapa Amapá.
9h30- Metodologia de avaliação de sistemas de produção agropecuários: teoria e princípios.
12h- Almoço.
14h- Cálculo e interpretação de indicadores econômicos com o uso do Excel.
15h30- Estudo de caso: Tecnologia Manejo de Açaizais.
17h- Encerramento.

4 de dezembro de 2014 (quinta-feira)

9h- Exercício prático em planilha Excel- Cálculo e interpretação dos indicadores de Eficiência Econômica.
10h30- Levantamento de dados: Introdução ao método de Painel.
12h- Almoço.
14h- Avaliação de viabilidade econômica de tecnologias em sistemas de produção agropecuário- Sistema Avetec.
17h- Encerramento.

Assessoria de Comunicação

Dulcivânia Freitas
Jornalista DRT/PB 1063-96
dulcivania.freitas@embrapa.br
(96) 4009-9587 / 8137-7559
www.cpafap.embrapa.br

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*