PF prende 3 pessoas por corrupção eleitoral em Macapá/AP

O flagrante ocorreu no momento em que um homem e uma mulher adesivavam um veículo, de um outro homem, na beira rio, para campanha eleitoral de candidato a prefeito, em troca da quantia de R$ 150 em espécie.

Os presos foram encaminhados à Superintendência Regional da Polícia Federal no Amapá para realização da prisão em flagrante por corrupção eleitoral e liberados após pagamento de fiança. Se condenados, poderão cumprir pena de até quatro anos de reclusão, além de pagamento de multa.

Comunicação Social da Polícia Federal no Amapá
[email protected] | www.pf.gov.br
(96) 3213-7500

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *