PGJ do MP-AP acompanha MP Eleitoral na fiscalização do segundo turno das Eleições 2020

A procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Amapá (MP-AP), Ivana Cei, neste domingo (20), acompanhada de promotores eleitorais de Macapá e demais membros da instituição, fez o monitoramento das atividades de fiscalização, realizadas pelas equipes coordenadas pelo Centro de Apoio Operacional – CAO Eleitoral, concentradas na sede das Promotorias de Justiça de Macapá, localizada na Avenida Padre Júlio.

O objetivo foi avaliar o andamento do processo, por meio da troca de informações sobre a fiscalização durante a votação que escolherá o prefeito e vice-prefeito da capital amapaense. Apesar de algumas ocorrências e denúncias que seguem em apuração, no geral, a procuradora-geral de Justiça constatou que o pleito estava ocorrendo dentro da normalidade.

“Estamos finalizando mais um processo eleitoral e gostaria de destacar o trabalho incansável de nossas equipes, que durante todo esse período atuaram para garantir a lisura do pleito. Nosso papel é fiscalizar e garantir que tudo ocorra da forma mais equilibrada e transparente, afinal, o cidadão deve se sentir absolutamente livre e seguro para escolher os seus representantes e exercer a sua cidadania”, disse a procuradora Ivana Cei.

Estavam presentes o subprocurador-geral de Justiça para Assuntos Administrativos e Institucionais, Nicolau Crispino, a promotora eleitoral auxiliar, Andréa Guedes, que também é coordenadora do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), o promotor eleitoral auxiliar Wueber Penafort e o promotor eleitoral da 2ª Zona, Iaci Pelaes.

MP Eleitoral

O MP Eleitoral não possui estrutura própria, mas uma composição mista: membros do MPF e do MP estadual. O MP Eleitoral atua em todas as fases do processo. Nas eleições municipais, atuam os promotores eleitorais. Os procuradores regionais são responsáveis pelas ações contra candidatos aos cargos eletivos, pois o julgamento cabe ao TRE. Também atuam nos recursos contra as decisões dos juízes de primeiro grau.

Serviço:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Gerente de Comunicação – Tanha Silva
Texto: Ana Girlene e Elton Tavares
Núcleo de Imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *