Poema de agora – Adeus sem festa: pela partida de Paulo Diniz – Júlio Miragaia – @julio_miragaia

Adeus sem festa: pela partida de Paulo Diniz

Ainda ontem pela praia
Choveram pingos
Distraídos
E sorrisos
Pelo chão.

Ainda ontem pela praia
A festa acabou,
José se perdeu,
Silêncio
No teu violão.

Ainda ontem,
Pelo arco-íris
Na sua moringa,
Me distraí acostumado
À vida de casado.

Ainda ontem
Havia chopes de amor
E namorados começando
A beleza dum verão.

Júlio Miragaia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.