Poema de agora: AVEC ÉLÉGANCE – Marven Junius Franklin

Jaci Rocha, advogada e poeta, para quem ofereço essa linda poesia do Marven.

AVEC ÉLÉGANCE

Tua boca
rubra da cereja
que furtastes do dry martini
(língua ávida
a fazer massagem
no meu desejo)
Ah, menina!
Além da fragrância
tua boca traz
outra compreensão
para mim – simples mortal
Sabe – demoiselle!
Vênus submerge
perante tua sedução
– avec élégance
quando me olha
e me escraviza
E já não medito
sobre decência
– tua mesa já não
está tão distante
(cena que produz
ondas intermitentes
e coniventes)
Ah, a noite adentra
e ela desaparece…
levando embora
minha alma…
(carecia ter sido
mais ousando
na presença de uma deusa)

Marven Junius Franklin.

*A poesia é do Marven, mas ofereço para minha namorada, a poeta Jaci Rocha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *