Poema de agora: Colagem – Jaci Rocha

Colagem

Passo tempo colando figurinhas
No álbum da vida,
Imagens soltas, pinturas vivas
Quarando na luz da emoção…

Junto pedaços do existir,
Retalhos de nostalgia,
E, no entremeio de uma imagem e outra
Com o fio da memória, teço poesia.

As minhas preferidas no álbum da vida
Confesso, são as repetidas
Aquelas com quem rio de alegria
E já derramei o mar inteiro de minhas ilusões…

Nelas, encontro facilmente comigo
E com as paisagens que há tanto, não são mais
Mas moram dentro de algum lugar
Entre o peito e a razão – é tudo tão voraz.

Por isso, gosto das coisas piegas e velhas
Ainda escrevo num velho diário
Chamo o jornal de noticiário
E acredito em contos de alegria…

Acho que já deveria ter parado,
– mas, afinal, que graça teria?
Viver n´um mundo onde não existe cola,
A cor, o papel e a tinta da nostalgia ?

Passo a vida em figurinhas,
Não coleciono o instante,
Mas por teimosa teimosia
Colo figurinhas no álbum da vida.

Jaci Rocha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *