Poema de agora: Lembrança – Andreza Gil

tumblr_mqjos2Dyfh1qijsx0o1_500

Lembrança

Quando pedi para esquecer,
eu lembrei mais ainda.
Escrevi mais um poema,
mais uma lembrança,
que eu não sei se vinha de dentro pra fora
ou de fora pra dentro de mim.
Eu apenas escrevi,
como se já estivesse escrito,
ou decorado,
como aquela parte que nunca sai de nós.
Como a vida dizendo que é possível tentar esquecer,
mas que não é possível esquecer.

Andreza Gil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *