Poema de agora: Romaria (Lara Utzig)


Romaria

O lado de lá
Que é o lado bom de se estar.
Pergunte ao seu orixá!
Aqui é só blablablá,
Apenas terreno lugar.
Um dia hei de voltar
Ao pó de onde vim
Que não é começo nem fim,
Somente parte de mim.
E como fênix ressurgir
Pronta para novamente partir
Até minha real origem,
Nem devassa nem virgem,
Mas viajante estelar.
Eis que já estou outra vez cá.
Oxalá!

Lara Utzig 
Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*