Poema de agora: SINA – Pat Andrade

SINA

essa
minha
sina
de
ser
só,
todo
dia

me
ensina
a
desatar
o



da
dor
que
desatina

Pat Andrade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *