Poema de hoje – Recordações

Recordações
Colhi lembranças da infância
Em memória tudo se fez real
Próximo
Parece que foi ontem
Doce infância tirada pelo tempo
Onde os medos de tentar não existiam
Tudo era impensado,
Tudo era felicidade,
Não havia preocupações,
Não havia distância entre as coisas
Nas estrelas queria tocar do alto de um prédio
Tocava guitarra imaginaria pensando que tudo estava certo
Hoje tudo é longe e muito perto das recordações
By Weverton O. Reis
Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*