Poetas Azuis lança plaquete literária em homenagem ao Dia Nacional da Poesia

po

Com espaço na cena literária amapaense o grupo de poesia e música, Poetas Azuis, lança neste sábado, 14, a Plaquete Literária Poesia ao Vinho, uma coletânea que conta com a participação de 16 jovens poetas amapaenses e que será distribuída gratuitamente. Em comemoração ainda ao Dia Nacional da Poesia o grupo apresenta seu novo espetáculo, Abra o Bico 2.0, que brinca com a dinâmica de poemas curtos e músicas leves.

A plateque literária é um mini livro de produção independente feito de forma artesanal para divulgação de poesia, muito utilizada por escritores de outros estados. “Este é um momento de agradecer aos seis meses de Poesia ao Vinho e também a participação de poetas que frequentam o nosso sarau semanal e a melhor forma é divulgando o trabalho deles”, explica o poeta azul Pedro Stkls.

A comemoração não fica por ai. Os Poetas Azuis preparam ainda um novo espetáculo poético para este sábado. Com um repertorio renovado de músicas e poemas, o trio traz o Abra O Bico 2.0, que trabalha as frases de efeito de poetas conhecidos da internet como Lucão, Eu Me Chamo Antônio entre outros.

“O primeiro espetáculo foi um sucesso e as pessoas aprenderam as músicas e os poemas e com uma nova roupagem trazemos essa dinâmica da poesia curta que contagia tanto nós que estamos no palco como o público”, conta o poeta azul Thiago Soeiro.

O grupo lançou também em suas redes sociais deste o inicio do mês uma série de frases e poemas curtos que têm sido um sucesso de likes e compartilhamentos.poetasazuis

Os Azuis

Composto pelos poetas Pedros Stkls, Thiago Soeiro e o musico Igor de Oliveira, o grupo está há quase três anos na estrada com atuação na cena literária amapaense, levam na bagagem 4 espetáculos e diversas apresentações pelo estado e participações em eventos foras do Amapá

O Dia Nacional da Poesia

Criada para difundir a poesia e a linguagem literária, a data foi escolhida para homenagear um de nossos maiores poetas, Antônio Frederico de Castro Alves, nascido na cidade de Curralinho (hoje Castro Alves), em 14 de março de 1847. Castro Alves foi considerado um dos mais brilhantes poetas românticos, responsável por uma nova concepção de amor na Literatura, além de um notável entusiasmo por grandes causas sociais, como a abolição da escravatura. Depois dele, muitos outros vieram, mas como grande poeta que foi, teve seu nome perpetuado em nossa história, sendo, então, digno de reverências e homenagens.

Contato para entrevistas com o grupo:
Thiago Soeiro – 99155-6451

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *