Por meio de convênio com o Ministério da Justiça, MP-AP adquire 22 computadores Workstation HP Z440 e moderniza suas unidades

Com o objetivo de modernizar e otimizar as atividades de setores estratégicos, o Ministério Público do Amapá adquiriu 22 unidades de Computadores Workstation. A aquisição se deu por meio de Convênio com Ministério da Justiça no valor de R$ 330.000,00 (trezentos e trinta mil reais) e contrapartida de R$ 30.000,00 (trinta mil reais) do MP-AP.

A entrega do equipamento foi feita pelo procurador-geral do MP-AP, Márcio Alves, acompanhado pela secretária-geral da instituição, promotora de Justiça Ivana Cei, nesta sexta-feira (23).

Estamos sempre trabalhando junto aos setores e unidades do MP-AP na solução de demandas para dinamizar trabalho do Ministério Público em todas as frentes”, comentou a secretária-geral.

O convênio é fruto de articulações institucionais e técnicas entre MP-AP e Ministério da Justiça. A captação do recursos e execução do convênio foram coordenadas pela assessora técnica Alcilene Cavalcante.

De acordo com o diretor de Tecnologia da Informação (TI) do MP-AP, Rodinei Paixão, “a aquisição dos computadores do tipo Workstation, otimizará e possibilitará o uso de novos recursos aos setores de Tecnologia da Informação, Comunicação, Engenharia e Arquitetura, além de suporte às atividades de investigação.”

Dentre as possibilidades citadas pelo Diretor, pode-se citar o desenvolvimento de sistemas, gerenciamento de banco de dados, geradores de relatórios, softwares de análise de dados, virtualização de ambientes operacionais, softwares de vetorização e edição de imagens e vídeos, softwares de desenhos técnicos, softwares CAD, entre outros.

Sempre investimos os recursos provenientes de Convênios com responsabilidade e transparência. Com este equipamento, poderemos seguir no cumprimento de nossas missões institucionais”, enfatizou o PGJ, Márcio Alves.

SERVIÇO:

Elton Tavares
Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Estado do Amapá
Contato: (96) 3198-1616
E-mail: [email protected]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *