Prefeito de Macapá recebe prêmio Edwilton Leite pelo Instituto de Prevenção do Câncer Joel Magalhães

Na noite desta segunda-feira, 12, o prefeito de Macapá, Clécio Luís, participou da entrega do Prêmio Edwilton Leite e recebeu a premiação na categoria “Gestão Pública” pelo Instituto de Prevenção do Câncer Joel Magalhães (Ijoma). A honraria premiou 25 pessoas e instituições que tiveram destaque no trabalho solidário em prol da população que necessitou de ajuda durante o período de pandemia do novo Coronavírus neste ano.

Durante a premiação, Clécio Luís recebeu um troféu que traz alusão à uma pessoa pedindo ou oferecendo ajuda, e contém a cor rosa do mês de prevenção ao câncer de mama, Outubro Rosa. “Sinto-me muito honrado ao receber este prêmio que não tem significado apenas para mim e, sim, para todos os profissionais que trabalharam na linha de frente do município. Dedico esta premiação a todos os servidores públicos da Prefeitura de Macapá, que trabalharam e ainda trabalham ativamente no combate à Covid-19”, ensejou o prefeito de Macapá.

Segundo o presidente do Ijoma, padre Paulo Roberto, esta foi uma forma de homenagear tantas pessoas que se doaram a esta causa que ajudou e vem ajudando milhares de pessoas em Macapá. “A palavra ‘dor’ pode se reescrever se colocarmos um ‘A’, se transforma em ‘doar’. E foi o que essas 25 personalidades fizeram. Agradecemos todos que brilharam como as estrelas no céu, levando amor, solidariedade, gratidão, afeto e gestos concretos. Com certeza, os que foram homenageados não foram os únicos, mas todos fizeram a sua parte. O prefeito Clécio Luís foi o único gestor público a receber a premiação. Este prêmio foi nossa forma de dizer muito obrigado”, declarou o padre.

Durante o evento, foram lembradas as vítimas que faleceram em decorrência à Covid-19 no município de Macapá, entre eles o maestro da Guarda Civil de Macapá, Siney Sabóia, que faleceu em maio. A família do maestro recebeu homenagem e o prêmio na categoria “In Memorian”. “Lembraremos sempre, com todo carinho e respeito, todas as vítimas que se foram devido ao Coronavírus. Em especial, prestamos também esta homenagem aos que trabalharam, incansavelmente, nesta causa de combate à Covid-19. Sabóia foi um desses servidores que pensava no outro e foi muito justa a homenagem a sua memória nesta noite”, discorreu Clécio Luís.

Secretaria de Comunicação de Macapá
Clauriana Costa
Assessora de comunicação
Fotos: Rui Brandão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *