Prefeito Sebastião Bala Rocha recebe visita do Senador Randolfe Rodrigues em Santana

No sábado, 03, o prefeito Sebastião Rocha e o senador Randolfe Rodrigues, visitaram o Porto de Santana, a fim de acompanhar o andamento das obras no local.

O prefeito ressaltou o vínculo que os povos ribeirinhos possuem com as águas, que é o meio pelo qual se locomovem, e é, em sua grande maioria, a fonte de sobrevivência dessas pessoas.

“Quero destacar a compreensão que o Senador Randolfe possui sobre a importância das águas para a população ribeirinha. E nós estamos na expectativa para que até o final de 2024 essa área esteja com uma estrutura nova, com um belíssimo trabalho de paisagismo e sobretudo, útil e gratuita para usufruto da população.”, disse.

Projeto Orla de Santana

Em meados de 2022, a empresa Codevasf apresentou à sociedade santanense o projeto de reurbanização do setor comercial e portuário da cidade. O projeto contratado visa construir um espaço com cerca de 41.000 m², além de revitalizar 200m da orla, entre o Terminal Pesqueiro e o Porto do Grego. A nova estrutura tem como pré-requisito entregar para os munícipes um ambiente de lazer e com possibilidades de negócios para fomentar a economia a nível municipal e estadual.

Porto de Santana: Um patrimônio de prosperidade

O Porto de Santana foi construído em 1980, com o intuito de estabelecer uma movimentação de mercadorias via fluvial entre o estado do Amapá e a Ilha do Marajó. Em maio deste ano, a Companhia das Docas (CDSA), registrou um recorde no embarque de soja com destino à Europa, transportando 50.630,933 toneladas métricas de grãos.

O senador Randolfe Rodrigues comemora o progresso das obras.

“Logo, logo vai estar aqui para todo o povo santanense e amapaense o novo Porto do povo de Santana.”, afirmou o parlamentar.

Potencial hidroviário da região

A região desperta a atenção dos gestores devido ao potencial hidroviário da região, capaz de alavancar a economia do estado. Um estudo lançado em 2019 pela CNT (Confederação Nacional do Transporte), informa que de 2010 a 2018, o volume de cargas transportadas pelo modal hidroviário cresceu 34,8%, ultrapassando a marca de 75,3 milhões de toneladas para cerca de 101,5 milhões/ano.

Luana Silveira
Assessoria de Comunicação Prefeitura de Santana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *