Prefeitura leva roda de conversa sobre os 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher para acadêmicos da Ueap

À convite da Universidade do Estado do Amapá (Ueap), a roda de conversa que atende mulheres dos residenciais Açucena e Mestre Oscar Santos foi levada à instituição de ensino superior. Com o tema “Violência e assédio contra a mulher: estratégias de combate e os direitos da mulher hoje”, acadêmicos participaram do evento, que faz parte do calendário da Campanha dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher. A meta era levar às alunas conhecimento sobre como enfrentar os agressores e como proceder em caso de abuso.

Participaram da roda Kátia Paulino, reitora da Ueap; Dilnéia Couto, professora da Ueap; Elisama Ferreira e Mileide Almeida, psicólogas do Cram (zona sul) e Aline Medeiros, diretora do Cram da zona norte. Usando um slide, as cinco mostraram ao público procedimentos de combate aos abusadores e falaram sobre os direitos das mulheres.

Elisama Ferreira, do Cram da zona sul, destacou a importância da ação na universidade e em outros lugares no qual já aconteceu. “‘Ei doutora, preciso falar com você! Eu estou passando por tudo isso que vocês falaram e não sei o que fazer!’. Toda roda de conversa ou palestra que a gente ministra alguma mulher, no final, nos procura para pedir ajuda e encaminhamos ela ao Centro de Referência para ser atendida”, contou.

Ao final, foi aberto um espaço para perguntas da plateia.

Bruno Monteiro
Assessor de comunicação/CMPPM
Contato: 99963-8042

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *