Programa Viver com a Chuva faz trabalho de limpeza e desobstrução nos pontos de alagamentos

O Programa Viver Com a Chuva da Prefeitura de Macapá, coordenado pela Secretaria Municipal de Manutenção Urbanística (Semur), iniciou na quarta-feira, 21, a limpeza e desobstrução de diversas áreas de ressacas e pontos de alagamentos de Macapá. O cronograma de serviços continua nos principais gargalos da cidade.

Devido à quantidade de chuva e a obstrução dos canais e áreas de ressaca, por meio de lixo e aterro, o Programa Viver com a Chuva dá vazão às águas. “Estamos com equipes de limpeza nessas áreas fazendo desobstrução dos canais, bueiros e manilhas desses pontos. Uma equipe está em alerta para a maré alta da madrugada e das fortes chuvas que ainda devem cair na cidade”, informa o secretário municipal de Manutenção Urbanística, Claudiomar Rosa, que é coordenador do programa.

Segundo a Defesa Civil Municipal, choveu 59 milímetros dos 70 esperados para os três dias em Macapá e coincidiu com a maré alta, tendo como pico das 9h às 10h, com 21 milímetros de chuva. Foram constatados pontos de alagamento no Centro, entre Cândido Mendes e Padre Júlio; na Rua Vitória Regia, no São Lázaro; na Santa Catarina com Silas Salgado, no bairro Santa Rita; Avenida dos Guaranis com Goitacazes, no Muca; e em outros pontos dos bairros Jesus de Nazaré, Nova Esperança e Beirol.

Nos pontos mapeados, os serviços utilizam canoas para recolher o lixo e fazer desbloqueio das manilhas e bueiros. Além disso, a coordenação do Programa Viver com a Chuva alerta a população. “A questão de obstruir os bueiros e as calhas de água causam alagamentos. Orientamos a população a não jogar lixo nessas áreas de ressaca e não obstruir com madeira ou terra essa vazão da água”, frisa o secretário.

Cássia Lima
Assessora de comunicação/Semur
Contato: 98104-9355
Fotos: Max Renê

  • Há cinco anos, eram mais de 600 pontos de alagamento, segundo o G1:

    Macapá tem 620 pontos de alagamento, diz Defesa Civil – G1 – Globo
    g1.globo.com/ap/…/2013/…/macapa-tem-620-pontos-de-alagamento-diz-defesa-civil….
    12/07/2013 – Defesa Civil destaca seis pontos como críticos. Serviços de drenagem poderiam amenizar os alagamentos.
    (notícia retirada da página do G1)

    Acredito que o trabalho da Prefeitura mudou essa realidade e, se a população colaborasse, não jogando NADA de lixo nas ruas e canais, estaríamos praticamente livres dos inconvenientes causados pelos alagamentos.
    É para se pensar, né não???

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *