Projeto de Lei de Júnior Favacho propõe criação do ‘Observatório Econômico do Amapá’ para impulsionar desenvolvimento regional

Para reforçar o crescimento econômico do Amapá, o Deputado Estadual Júnior Favacho propôs, na Assembleia Legislativa do Amapá (Alap), um Projeto de Lei (PL) que visa estabelecer o “Observatório Econômico do Amapá”. Esta iniciativa, pioneira no estado, tem o propósito de acompanhar, analisar e disseminar informações cruciais sobre os indicadores econômicos regionais.

O observatório planejado pretende identificar as potencialidades econômicas do Amapá, oferecendo uma análise detalhada que facilitará a identificação de setores estratégicos para o desenvolvimento econômico. O parlamentar enfatiza que o projeto não se limita a diagnosticar a situação econômica atual, mas também visa ser uma ferramenta essencial para o desenvolvimento e implementação de políticas públicas que promovam a geração de emprego e renda.

“O objetivo do Observatório é criar, manter e difundir um banco de dados e informações que abranjam estatísticas, estudos e pesquisas econômicas, para apoiar o planejamento do governo e a formulação de políticas públicas focadas no desenvolvimento social e econômico. Ele também vai possibilitar que a sociedade civil tenha acesso a informações relevantes sobre o estado”, destacou o deputado.

De acordo com Favacho, o Observatório Econômico do Amapá desempenhará um papel vital em auxiliar os órgãos públicos na elaboração de projetos para captação de recursos, oferecendo dados atualizados e análises precisas para facilitar a atração de investimentos essenciais ao progresso socioeconômico do estado.

Os dados e análises gerados pelo Observatório serão apresentados em um painel virtual interativo, disponibilizados por meio de diversas mídias, especialmente via internet, permitindo o acesso público a essas informações. As atividades serão organizadas em torno de eixos temáticos, incluindo agricultura, turismo, mineração, indústria, comércio, serviços, além de focar em micro e pequenas empresas.

Apoio Institucional

A proposta foi oficialmente apresentada na segunda-feira, 22 de janeiro, ao Vice-Governador do Amapá, Teles Júnior, por meio da assessoria de Júnior Favacho. Durante o encontro, enfatizou-se a relevância estratégica deste projeto para o futuro econômico do estado. Há uma expectativa de amplo suporte para a iniciativa, dado seu caráter inovador e o potencial de impactar positivamente as políticas públicas e a atração de investimentos para o Amapá.

Assessoria de comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *