Projeto Pontes para o Futuro avança para novos bairros de Macapá

O Projeto Pontes para o Futuro é uma iniciativa da Concessionária de Saneamento do Amapá (CSA) que leva água tratada para as famílias que residem nas áreas de ponte e utilizam redes irregulares de abastecimento. O trabalho na capital iniciou em setembro do ano passado no Congós e avança para os bairros Nova Esperança, Jardim Marco Zero e Cidade Nova.

As frentes atuam com a instalação de novas tubulações – fora da região alagada – e regularização do fornecimento por meio de cadastros e atualização de dados nas regiões atendidas. Já foram alcançadas 4.125 famílias com o projeto, o que totaliza mais de 14 mil pessoas beneficiadas com água tratada na capital.

Para levar o sistema novo nas áreas de ressaca, as equipes de campo já instalaram mais de 70 quilômetros de tubulações adequadas. As novas redes são interligadas com as adutoras que passam nas ruas próximas às comunidades. Extensões nas vias são realizadas para garantir que o abastecimento seja ampliado sem comprometer os clientes já ativos.

Ao todo, o Pontes para o Futuro já passou por sete bairros em Macapá: Cidade Nova, Pacoval, Nova Esperança, Congós, Jardim Marco Zero, Novo Buritizal, Fazendinha e Axará. Além disso, pontes em Laranjal do Jari também já recebem estes serviços.

“Importante destacar que nossa prioridade é levar saúde com a chegada de água tratada para as famílias atendidas pela nossa iniciativa. É uma frente de trabalho que promove a instalação gratuita destes sistemas e que vai impactar positivamente a qualidade de vida destas pessoas”, destaca Bruno Rodrigues, líder responsável pelo projeto.

Água para todos

O líder explica ainda, que os serviços do Pontes para o Futuro impactam todos ao redor das comunidades atendidas, pois os sistemas interligados recebem melhorias no fluxo de abastecimento.

“No Araxá, por exemplo, são mais de mil metros de novas redes e 250 famílias alcançadas nas áreas de ponte, mas as obras de interligação vão além e ao fim, o sistema passará a pressurizar – aumentar e manter a pressão no fornecimento de água – também nos bairros das Pedrinhas e Jardim Marco Zero. No fim, mais de 1700 famílias serão beneficiadas”, concluiu Bruno.

Parceria com a comunidade

O projeto segue um cronograma de bairros de acordo com a demanda levantada pelas áreas técnicas da CSA. Todas as ações desenvolvidas são alinhadas com a comunidade local, que pode tirar suas dúvidas com as equipes de campo, além de ter acesso exclusivo a serviços como inclusão na tarifa social, parcelamento de débitos e outros.

Marcelle Nunes
Gerência de Comunicação Externa e Marketing
Tel.: (96) 98106-4232
E-mail: [email protected]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *