Relações Humanas no Trabalho é tema de curso para servidores da Justiça Amapaense

ejap_10

Iniciou na segunda (02) e encerra na sexta (06) o curso Relações Humanas no Trabalho (Inteligência Emocional Aplicada no Trabalho), ministrado pela professora Monique Santos. Organizado pela Escola Judicial do Amapá, o curso tem como público alvo os servidores do Judiciário.

A meta é promover o autoconhecimento com discussões sobre os relacionamentos entre profissionais da Justiça, analisando técnicas e métodos para o bom convívio social.

Com a participação de 35 servidores, o curso de 20 horas com atividades práticas, teóricas e em grupo, busca ainda, promover reflexões sobre o comportamento ético no ambiente de trabalho e na vida profissional.

Cristina Silva Bravin, chefe de secretaria da 2ª vara criminal, ressaltou que a competência emocional pode ser aprimorada, mediante o emprego da conduta correta.

“O curso contribui para ampliarmos o autoconhecimento, aperfeiçoando nossa postura no ambiente de trabalho e no círculo familiar. Também nos ensina que o conhecimento técnico deve estar ligado à inteligência emocional, propiciando lições de como administrar de forma adulta e responsável as nossas emoções e sentimentos”, disse.

Para a professora Monique Santos, a inteligência emocional tem importância fundamental na atividade laborativa, e dela depende muito o sucesso e a sobrevivência de uma pessoa no mercado profissional.

“Desenvolver habilidades comportamentais para aperfeiçoar o relacionamento profissional e familiar, permite melhor produtividade e um bom relacionamento no ambiente de trabalho, tão necessário a gerar lealdade e comprometimento com a equipe”, finalizou.

Bernadeth Farias
Assessora de Comunicação Social/ TJAP

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*