Reparação por dano ambiental é revertida em benefício de projeto social no Bailique – Por @gilvana_ap

IMG_0223

Crianças do projeto social Doce Lar, no distrito do Bailique, são beneficiárias do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado pelo Ministério Público do Amapá (MP-AP) com empresa autuada por crime ao meio ambiente. Na manhã de sexta-feira (19), a Promotoria de Justiça do Meio Ambiente, Conflitos Agrários e Urbanismo (PRODEMAC) fez a doação de confecções infanto-juvenis para a Missão Evangélica de Apoio aos Pescadores (MEAP), responsável pelo projeto.

A representante da MEAP, Josi Evangelista, falou que o Doce Lar existe há 8 anos, inicialmente com 24 crianças e atualmente atende cerca de 60 crianças carentes e vítimas de violência e abuso sexual, de trabalho infantil e de bullyng nas escolas. “A grande maioria das crianças do projeto vive em situação de risco e as famílias não têm condições de comprar roupas. Com esta doação do Ministério Público a autoestima delas vai aumentar e para nós é resposta de oração, pois temos orado e pedido a Deus para que apareçam instituições para nos ajudar”, declarou.

O promotor de Justiça André Araújo informou sobre o trabalho desenvolvido pelo MP-AP na formalização desses TAC’s que possibilitam assistência às entidades que atuam em benefício da sociedade. “É uma satisfação estar aqui representando a instituição na entrega desse material para a MEAP, pois são poucos que se dispõem a ajudar o próximo sem pedir algo em troca. Vocês estão de parabéns”, ressaltou André Araújo. “É muito gratificante para nós, do Ministério Público, virmos ao Bailique trazer serviços à comunidade e, ainda, poder ajudar de alguma forma no fortalecimento desse importante projeto social aqui desenvolvido”, declarou o promotor de Justiça Miguel Angel Ferreira.

Na ocasião, foi assinado o Termo de Transferência pelo promotor de Justiça André Araújo, representando o Ministério Público, e em seguida os servidores Telma Freitas e Francisco Michael, da PRODEMAC, entregaram a Nota Fiscal das confecções para a MEAP, no evento que contou com a participação das crianças atendidas pela organização não governamental.

O MP-AP está no Bailique integrando o programa Rios de Cidadania, da Marinha do Brasil, que visa a realização das ações de justiça, saúde e cidadania para a população do arquipélago, e se estende até o dia 24, quando o navio-auxiliar Pará inicia o retorno para Macapá.

SERVIÇO:

Gilvana Santos
Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Estado do Amapá
Contato: (96) 3198-1616/(96) Email: asscom@mpap.mp.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *