Secult/AP dispõe de Sistema virtual para artistas e produtores culturais acessarem editais públicos

A Secretaria de Estado da Cultura (Secult/AP) disponibiliza aos artistas e produtores locais o Sistema Estadual de Informações e Indicadores Culturais (SEIIC), uma plataforma digital que vem integrar os editais públicos do setor. Sendo um dos instrumentos de gestão do Sistema Estadual de Cultura (SEC), o ambiente garante a participação dos agentes nas políticas públicas da cultura. O SEIIC está disponível no site: www.secult.ap.gov.br

Nos últimos anos, a Secult/AP tem ampliado a sua política de editais públicos para a seleção dos segmentos culturais que participam dos eventos organizados dentro do Estado. Com esse novo instrumento, desenvolvido em parceria com o Centro de Gestão da Tecnologia da Informação (PRODAP), os agentes culturais terão mais um ambiente para acessar e se informar sobre os editais voltados ao setor.

Para ingressar no SEIIC é necessário realizar um cadastro com as informações solicitadas pelo Sistema, ativando um perfil pessoal para ter acesso ao ambiente virtual da plataforma. Com mais esse elemento, a Secult tem conseguido cumprir as suas políticas culturais, acessando recursos federais e usufruindo do fundo de cultura, garantindo de forma ampla a participação dos segmentos.

De acordo com o secretário de estado da cultura, Evandro Milhomen, “o ambiente virtual democratiza a participação dos artistas e produtores locais, além de garantir a promoção de capacitações voltadas a prestação de contas para as entidades que trabalham as vertentes artísticas-culturais do Amapá. Isso as incentiva a se manterem fortes no cenário cultural nacional”, afirma.

SEIIC

O sistema faz parte dos instrumentos de gestão do Sistema Estadual de Cultura (SEC), criada pela lei 2.137, sancionada em 2017. Dessa forma, abrange os planos estadual e municipal de cultura, fundos do estado e municípios, além dos conselhos de cultura. Com esses elementos, as políticas públicas culturais poderão ser desenvolvidas. O sistema é interligado ao nacional e aos municipais, trazendo as diretrizes e estratégias para o segmento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *