Segurança institucional: MP-AP instala Sistema de geolocalização de veículos e identificação de motoristas da instituição

Na última segunda-feira (26), a Procuradoria-Geral de Justiça do Ministério Público do Amapá (MP-AP), por meio da Divisão de Transporte do Departamento Administrativo (DAA), iniciou a instalação do Sistema de Rastreamento por Global Positioning System (GPS), ou Sistema de Posicionamento Global nos veículos do MP-AP e a identificação dos condutores dos carros da instituição. A medida fortalece a segurança institucional do órgão ministerial e, consequentemente, aumenta a fiscalização e transparência do uso adequado do patrimônio público.

De acordo com o gerente da Divisão de Transporte do MP-AP, Elleres Santos, a ação é executada por uma empresa contratada via licitação e oferta o rastreamento da frota por GPS e a identificação dos motoristas, por um preço 40% menor do que a antiga prestadora do mesmo serviço.

O serviço de geolocalização será capaz de identificar posição, velocidade, frenagens bruscas, paradas e funcionará em tempo real nos 16 municípios do Amapá. Ao todo serão instalados em 93 automóveis oficiais. Já o sistema de identificação de motorista funcionará através de aplicativo App DriverID, de celular, na qual os motoristas cadastrados deverão digitar login e senha para utilização dos veículos institucionais, utilizando o “bluetooth”, sem necessidade de internet.

O secretário-geral do MP-AP, promotor de Justiça Alexandre Monteiro, ressaltou que essa decisão da Administração Superior visa, sobretudo, o reforço da segurança e ainda mais cuidado com o erário.

“Com essa modernização, a Administração Superior do MP-AP reforça a segurança dos bens, melhora o controle patrimonial, reduz gastos, com a eliminação de papel pelo motorista, além de auxiliar no esclarecimento de eventuais sinistros envolvendo a frota institucional“, frisou o secretário-geral do MP-AP.

Serviço:

Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Gerente de Comunicação – Tanha Silva
Núcleo de Imprensa
Texto: Elton Tavares
Contato: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *