Sem idéias

                                        Por Elton Tavares
Ando meio sem idéias para textos legais nesta página, “meio desligado”, como diriam os Mutantes. Acho que é porque não estou lendo o suficiente, já que a “leitura precede a palavra. Além disso, meus fantasmas estão com tudo, me devastam interiormente. Uma série de contrariedades me corrói, asfixiando-me bem devagar.

Existe muralha imensa, intransponível e implacável. Por conta dela, enxergo a inevitabilidade do desenrolar. Ando cansado e cansando. Um monte de pequenas coisas que, quando somadas, viram um coisão. E por não querer desistir e não querer perder, tenho a impressão que existe uma bigorna sobre os meus ombros.

Bom, sigo lutando contra a entre safra de boas idéias, reproduzindo textos alheios e providenciando exorcismo dos meus demônios, pois como disse o saudoso Renato Manfredini, mais conhecido como Russo, na música “Metal contra as nuvens”:

“E nossa história não estará, pelo avesso assim, sem final feliz. Teremos coisas bonitas pra contar e até lá, vamos viver. Temos muito ainda por fazer, não olhe pra trás, apenas começamos. O mundo começa agora, ahh! Apenas começamos”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *