Shopping oferece um mês de cinema gratuito com longas do Sesc Amapá

garden

Por Fabiana Figueiredo

Um cinema com exibição gratuita de filmes foi montado na praça de alimentação em um shopping localizado na Rodovia JK, na Zona Sul de Macapá. Seis filmes fazem parte da programação do Cine Sesc, que iniciou na terça-feira (27) e segue até o dia 28 de fevereiro. Com classificação livre, os filmes são exibidos em duas sessões diárias, incluindo sábados e domingos. O shopping também recebe uma biblioteca com um acervo de 500 livros.

A atração é uma parceria do shopping com o Serviço Social do Comércio (Sesc) no Amapá. Os filmes selecionados para exibição são dos gêneros de animação, aventura, drama e comédia. “A Guerra dos Botões”, “O Menino da Floresta”, “Meu Amigo Storm”, “Iep!”, “O Segredo de Eleonor” e “Josué e o Pé de Macaxeira” são os seis longas-metragens escolhidos para exibição nos horários de 18h e 21h, diariamente.

O Sesc informou que a ideia do projeto é proporcionar ao público o acesso a filmes da cinematografia brasileira e mundial, que muitas vezes não são exibidos nos cinemas comerciais.

Confira a sinopse de cada filme:cine11

O Menino da Floresta
A família Courge vive isolada na floresta, e enquanto o pai tirânico impede o filho de sair do local, o filho cresce como um selvagem, sem saber da existência de um mundo exterior. As únicas amizades do garoto são os fantasmas da natureza, até o dia em que um evento inesperado o força a sair da floresta. No novo ambiente, o menino da floresta descobre a existência de um vilarejo e de uma garotinha chamada Manon.

cine111
A Guerra dos Botões

O filme se passa no ano de 1960, em uma aldeia no sul da França. Uma batalha tradicional é realizada há gerações por jovens de duas aldeias. Um grupo de meninos, com idades entre 7 e 14 anos, é liderado por Lebrac numa guerra contra as crianças da aldeia vizinha. Eles lutam pela honra e lealdade, mas utilizam-se dos meios necessários para vencer. O exército de pequenos homens tenta de todas as formas não ser percebido por pais e mães, o que é complicado quando voltam para casa com as roupas rasgadas e sem botões.

Iep!cine1111
O filme holandês conta a incrível história de Dorinha, uma menina que tem asas ao invés de braços. Ela é encontrada na mata por Warre, um estudioso das aves. Ele e sua esposa, Tine, não têm filhos e decidem criá-la como filha. No outono, Dorinha vê os pássaros migrando para o sul e vai atrás deles. Começa então uma viagem em busca da menina-pássaro. O filme fala de liberdade e do respeito pela diferença. No papel de protagonista está Kenadie Bromley, que tem um tipo raro de alteração genética, nanismo primcine11111ordial.

O Segredo de Eleonor
A história acontece com um garoto que ainda não sabe ler, Nathaniel, mas já conhece, de “cor e salteado”, todos os personagens dos contos de fadas. Quando a avó dele morre, ela deixa sob sua responsabilidade um acervo enorme com todas as obras originais das narrativas fantásticas. A partir daí, a vida do menino começa a mudar quando esses personagens saem dos livros e pedem ajuda para sobreviver, tentando fazer que as próprias histórias sejam conhecidas pelas futuras gerações.

Josué e o Pé de Macaxeiracine111111
O filme remete à infância, quando o herói irrompia o limite das nuvens, conduzido por um pé de feijão e invadia o castelo do gigante do mal. Com uma nova roupagem, o filme mostra um um caipira simpático chamado Josué, que por acaso foi alçado aos céus por um pé de macaxeira, cujas sementes foram compradas despretensiosamente de um andarilho, ou melhor, um vendedor de sonhos ambulante. Lançado na aventura, Josué adentrou o imenso castelo, conhecendo uma galinha que põe ovos de ouro e um trio de forró que só toca para a satisfação do herói.

Biblioteca
O shopping também recebe uma biblioteca do Sesc, com um acervo de 500 livros para os clientes do empreendimento e comerciários. O espaço começou a funcionar na terça-feira (27), e ficará à disposição do público até o dia 28 de fevereiro, com atendimento no horário das 14h às 18h.

As obras são de diferentes gêneros e autores, nacionais e estrangeiros, sendo periódicos, gibis, histórias em quadrinhos, revistas, entre outros. O espaço também vai receber programação com agentes culturais que leverão fantoches, pintura facial e incentivo à literatura com livros de pano, para o público infantil.

Fonte: G1 Amapá.

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*