Skatista amapaense faz “vaquinha virtual” para participar de final do Campeonato Nacional Amador, em São Paulo (bora ajudar)

O skatista amapaense Gabriel Miranda, de 19 anos, se classificou, em seletiva realizada para a região Norte de skate, para a final do Campeonato Nacional Amador, que será realizado em São Paulo (SP), no dia 14 de dezembro de 2019. Entretanto, o atleta não possui apoio institucional e, sem dinheiro para a viagem, ele precisa fazer uma “vaquinha virtual” para ir até a capital paulista disputar a competição.

É sempre absurdo quando um caso destes vem a público e um atleta de alto nível precisa levantar dinheiro para representar o Amapá. Injusto, mas não incomum, infelizmente.

Gabriel relatou ao site Blog De Rocha que possui skate desde os 3 anos de idade e que, entre suas memórias afetivas, lembra que sempre admirou o esporte, mas que começou a “andar de carrinho” somente aos 11 anos.

Logo aos 12 anos, Gabriel começou a se destacar no skate e se desenvolver como atleta da modalidade. Ele contou ainda que sempre conseguiu boas colocações em campeonatos regionais. A seletiva amazônica para a competição nacional aconteceu em Belém (PA), no último dia 27 de outubro. Skatistas de vários estados participaram da fase classificatória, onde Miranda alcançou o segundo lugar. Ao todo, três competidores nortistas conseguiram o índice para o torneio nacional.

Miranda falou sobre os problemas da prática de skate no Amapá, como falta de pistas adequadas e o preconceito que os praticantes sofrem. “Várias vezes já tentaram me ofender com injúrias durante minha trajetória como skatista, mas nada muito grave”, comentou Gabriel, que sonha em ser um atleta profissional e incentivar os mais jovens.

“Estou na corrida pra me tornar profissional. Além de disputar o campeonato nacional, meu objetivo individual é crescer como atleta. Também pretendo instigar a prática dessa modalidade esportiva no Amapá, que está muito fraca no estado”, comentou Gabriel Miranda.

Na competição nacional estarão os 24 melhores skatistas da categoria no país. Na capital paulista, Gabriel ficará hospedado no alojamento cedido pela Federação Nacional de Skate, mas eles precisa custear passagens, alimentação e deslocamento na cidade.

Portanto, contamos com todos os que possam ajudar – com qualquer quantia – o skatista a representar o extremo norte do país em uma grande competição.

É bom ajudar! É raro um talento como o do Gabriel Miranda vingar sem apoio. Ele será o Amapá de skate em São Paulo.

Além disso, boas ações produzem sonhos felizes.

A vaquinha virtual pode ser acessada aqui: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/me-ajude-a-participar-da-final-do-campeonato-nacional-de-skate

Elton Tavares


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *