Unifap colabora na elaboração dos Planos de Educação em Direitos Humanos no Amapá

O Plano Estadual de Educação em Direitos Humanos do Amapá e o Plano Municipal de Educação em Direitos Humanos de Macapá já estão disponíveis para acesso público depois de concluídas as etapas de elaboração e consulta pública. Os documentos foram entregues aos gestores públicos das políticas de educação e seguirão aos respectivos conselhos de educação para discussão e aprovação final.

Os planos foram elaborados por comitês formados por técnicos da Secretaria Estadual do Amapá e Secretaria Municipal de Educação de Macapá, com a consultoria de pesquisadores do Observatório da Democracia, Direitos Humanos e Políticas Públicas da Unifap, com apoio da Rede Brasileira de Educação em Direitos Humanos/Coordenação Amapá e a Clínica de Direitos Humanos da Unifap.

Os planos são documentos com diretrizes, ações e metas que devem orientar a educação em direitos humanos no conjunto das políticas educacionais no Amapá e em Macapá. Os planos surgem de um movimento nacional, iniciado em 2003, com a elaboração do Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos (PNEDH).

“Em linhas gerais, os planos estadual e municipal de Educação em Direitos Humanos indicam ações que procuram inserir a Educação em Direitos Humanos na Educação Básica e nos espaços de educação não formal, observando aspectos ligados ao currículo, materiais didáticos, formação de professores, práticas e metodologias inovadoras”, explica o professor Antonio Sardinha, responsável pela consultoria técnica e metodológica do Plano Estadual de Educação em Direitos Humanos.

Acesse aqui os documentos:

CARTILHA PLANO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS

PLANO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS DE MACAPÁ

Ascom Unifap

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.