Universidade Federal forma primeira turma de Medicina do Amapá

DSCN4587
Vinte e quatro médicos generalistas colaram grau após seis anos da implantação do curso de Medicina na Universidade Federal do Amapá (Unifap). A outorga ocorreu no Teatro das Bacabeiras, na noite de quinta-feira, 17. Os 24 formandos são considerados médicos generalistas e agora vão em busca de uma especialização, a chamada residência médica. Na graduação, foram quatro anos dedicados às disciplinas teóricas e práticas e dois anos no regime de internato em hospitais públicos estaduais, o que equivale ao estágio supervisionado do curso.

A formação dos primeiros médicos no Amapá dará início ao processo de fixação de alguns desses profissionais no estado. O estudo ‘Demografia Médica no Brasil’, produzido em 2013 pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp), apontou que o Amapá tem 0,95 médico para cada mil habitantes, à frente apenas do Pará, com 0, 84 e Maranhão com 0,71. A média brasileira é de 1,8 médico para cada grupo de mil habitantes.

A vice-reitora da Unifap, professora Adelma Nunes Barros, espera que boa parte dos formandos atue na assistência à saúde local. Além da política nacional por meio do Programa “Mais Médicos” do Governo Federal, a vice-reitora citou que a implantação do Hospital Universitário da instituição, com obras previstas para iniciarem em 2006, será outro atrativo que pode colaborar para a fixação desses profissionais.

“Nós temos a expectativa de que esses novos médicos não saiam do estado e passem a atuar nos atendimentos de média e alta complexidade previstos no Hospital Universitário. Além disso, ampliamos nossa política de residência médica com mais especialidades”, informou Adelma Barros. Para o vice-governador do estado do Amapá e médico cardiologista, João Bosco Papaléo Paes, é vital a formação de médicos no âmbito local para atender às necessidades do Amapá.

DSCN4688

“A continuidade desse curso fará que, em um determinado momento, nós tenhamos o que almejamos: médicos mais profissionais radicados aqui. É emocionante, gratificante e satisfatório presenciar um momento de extrema importância para o estado do Amapá: a formatura da primeira turma de Medicina pela Universidade Federal do Amapá”, disse o vice-governador.

A formação obtida ao longo dos anos foi considerada sólida e qualificada pelo médico amapaense recém-formado, Leonardo Coutinho. “Nossos professores são aperfeiçoados na formação e prática médica. Os conhecimentos obtidos irão garantir que possamos prestar um bom serviço à população. Foram anos de muita dedicação e estudos”, informou. O próximo passo será pleitear qualificação em residência médica local ou fora do estado. “Uma vez concluída a residência, o intuito é colaborar para o desenvolvimento do Amapá no âmbito da saúde”, assegurou Leonardo Coutinho.

Homenagem

DSCN4580A cerimônia também foi marcada pela homenagem da turma de novos médicos ao professor José Carlos Tavares. O professor Tavares estava à frente da Universidade na oportunidade em que tiveram início os primeiros debates sobre a viabilidade, ou não, da implantação do curso de Medicina no Amapá. Tavares lembrou que foram muitas as viagens e debates acerca do tema. O assunto foi levado pelo então reitor Tavares aos conselhos nacional, estadual e municipal de saúde, além de audiências públicas na Assembleia Legislativa para discutir com a população. Segundo o professor, todos os ritos foram rigorosamente cumpridos. “Não foi fácil estabelecermos as condições do curso de Medicina. Assim como existiam muitas pessoas favoráveis, também encontramos obstáculos. Nós superamos todas as barreiras. A luta que tivemos para instalação e funcionamento do curso foi gratificante e hoje chegamos a esse dia”, lembrou o professor.

No último congresso médico ocorrido no Rio de Janeiro no mês de novembro, o curso de Medicina da Unifap foi citado como um dos melhores da Amazônia, com nota 4. Os novos médicos saíram da cerimônia com suas carteiras profissionais do Conselho Estadual de Medicina (Coreme/AP) nas mãos após a cerimônia.

Universidade Federal do Amapá
Assessoria de Comunicação
Kleber Soares
3312-1704/98136-9676

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*