Vá em paz, Meton!


Na madrugada desta terça-feira (11), morreu, aos 65 anos, vítima de uma parada cardíaca, o funcionário público federal, Meton Jucá Junior. Meu amigo e sobrinho dele, André Mont’Alverne escreveu.

“Meton era um cara que esbanjava simpatia e espalhava alegria por onde  passava. Um piadista nato e profundo conhecedor do nosso estado. 

Um cara preocupado com o bem de todos que ele queria bem. Toda vez que eu o encontrava, ele saia de onde ele estava pra falar comigo. Me dava um forte  abraço. 

Sempre achei que isso se devia muito a minha semelhança física com meu falecido pai (Deuclides, já falecido, que era primo do Meton). Quem sabe… Eu adorava aquele cara, era um dos meus tios favoritos. Que ele siga em paz! “

André Mont’Alverne 

Meu comentário: Conheci o Meton, ele era contemporâneo do meu pai. Algumas vezes, o presenciei alegrando rodas de amigos. Também ouvi, do Guga Mont’Alverne, muitas histórias sobre ele e sua paideguice. 

Ele era pai do meu amigo Sérgio Buda, tão gente boa quanto seu genitor.  Falei com o Meton na banda, lhe dei um abraço e segui na folia. Que seu jeito descontraído, afável e feliz seja exemplo para todos nós. Minhas sinceras condolências à família. 
Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*