Vigilância Sanitária de Macapá fiscaliza academias sobre medidas de higienização contra o Coronavírus

A Prefeitura de Macapá segue fiscalizando e realizando ações educativas para cumprimento dos decretos municipais sobre as medidas de higienização. Nesta quarta-feira, 19, a Divisão de Fiscalização e Controle de serviços de saúde da Vigilância Sanitária do município realizou ação em cinco academias da capital com o objetivo de prevenir, controlar e mitigar os riscos à saúde pública.

Na ação, a equipe de fiscalização sanitária identificou que algumas academias não possuem licença e foram notificamos e orientadas sobre os documentos necessários para a abertura do processo. Desde o começo da liberação das academias, o Município identificou que as maiores estão empenhadas a seguir as novas regras, investindo na segurança dos alunos.

“A grande reclamação que recebemos é por parte dos funcionários e proprietários, que faltam adesão às regras por parte dos alunos, que, às vezes, se recusam a guardar o celular durante o treino, respeitar o distanciamento ou usar máscara”, explicou a engenheira sanitarista Tassiana Caron.

O Departamento de Fiscalização e Controle observou a adesão às novas regras de higienização e distanciamento, reforçou recomendações de combate à pandemia já descritas nos decretos vigentes e o licenciamento sanitário dos espaços de condicionamento físico. Uma academia foi notificada sobre a necessidade de abertura de processo de licenciamento.

“Outro problema é a falta de adesão às regras do decreto pelas academias menores, que, desde antes da pandemia, já tinham problemas em se adequar às normas sanitárias padrões como higienização do ambiente e aparelhos, falta de papel toalha e sabonete líquido em lavabos”, frisou a sanitarista.

Secretaria de Comunicação de Macapá
Cássia Lima
Assessora de comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *