Vigilância Sanitária inspeciona 42 estabelecimentos em comunidades de Macapá

A Vigilância Sanitária inspecionou 42 estabelecimentos em treze localidades de Macapá, do dia 9 a 18 de setembro. A visita técnica da Divisão de Fiscalização e Controle de Serviços de Saúde identificou que alguns locais não possuíam qualquer documentação sanitária. Além disso, a visita realizou cadastro de estabelecimentos e promoveu a educação sanitária.

De acordo com dados da Vigilância, dos 42 estabelecimentos visitados, 7 estavam aptos, 15 foram vistoriados, 6 receberam termo de visita técnica, 19 estavam fechados e 2 foram notificados, sendo escolas por motivo de falta de materiais complementares da exigência sanitária nos banheiros.

“Identificamos que muitos donos de estabelecimentos sequer tinham esclarecimentos acerca da documentação necessária. Então, realizamos um trabalho educativo sobre a documentação e legislação sanitária”, explica Deborah Penha Silva, chefe da Divisão de Fiscalização.

A inspeção visitou escolas, unidades de saúde, igrejas e associações nas comunidades do Curiaú; Ressaca, Abacate, Lontra e Santo Antônio da Pedreira; Assentamento Santo Antônio; Tamandaré; Retiro Santo Antônio; Retiro Peixe Boi; São Pedro dos bois; Mel da Pedreira; Mata Fome e Ambé.

O trabalho faz parte da ação anual do programa “Visa Rural”, que funciona desde 2018 com ações em comunidades de Macapá. A proposta das atividades programadas é inspecionar, cadastrar o maior número de estabelecimentos de interesse sanitários, averiguar denúncias e irregularidades e promover a educação e conscientização sanitária.

Secretaria de Comunicação de Macapá
Cássia Lima
Assessora de comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *