Emoções e patriotismo aflorado, é Copa do Mundo!

                                                                Por Elton Tavares
As seis Copas da minha vida: 86,90,94,98,2002 e 2006.
Eu amo futebol, principalmente essa época, tempos de Copa do Mundo. A euforia toma conta da população, gente que nem gosta de futebol adora os mundiais de futebol. Pensando no que escrever sobre o assunto, resolvi falar das copas de minha vida. Ao todo, foram 8 mundiais, de 1978 á 2010 (já que nasci em 1976), mas falarei somente da Copa de 1986 para cá, pois minhas lembranças só alcançam até meados de 1983.
Apesar de achar o Dunga um FDP, acredito no time dele. A Seleção Brasileira estréia no campeonato amanhã (15), contra a Coréia do Norte, a partida é válida pela Copa do Mundo 2010, realizada na África do Sul. O texto é extenso, mas agradará aqueles que gostam de futebol. Leiam sobre as copas da minha vida:
México 1986
Na época da Copa de 86, realizada no México, eu tinha 10 anos e já gostava de futebol. Aquela foi a competição do Maradona, o ídolo argentino ganhou o torneio sozinho, o time era Maradona e mais 10, simples assim. Lembro quando perdemos para a seleção francesa, liderada pelo craque Michel Platini. O meu ídolo Zico (e de toda a molecada da época) perdeu um pênalti naquele jogo.
Penalidade essa comemorada exageradamente. Vou explicar, eu e minha família estávamos na casa dos meus avós paternos e meu tio, Itacimar Simões (que hoje mora no céu) ficou uma bandeira do Brasil bem em cima de um cano de água da casa. Resultado, perdemos a Copa e ele e meu pai (que também já se foi) tivera que ir atrás de um encanador.
Uma cena que me marcou foi o choro do jornalista da Rede Globo, Fernando Vanucci, ao final da partida em que o Brasil foi eliminado nos pênaltis; Vanucci declamou uma mensagem de um torcedor brasileiro à seleção, narrando a tal poesia, não conseguiu conter as lágrimas.
Itália 1990
A Copa de 1990, na Itália, foi a Copa em que ganhei grana apostando na Argentina. Calma, vou explicar. Eu ganhei o bolão na casa do meu tio. Cheguei perto do início do jogo, todos os palpites possíveis a favor do Brasil já tinham sido dados, eu disse: ” Coloca 1×0 para a Argentina”, secante e profético.
Com um passe de Maradona, Caniggia fez o gol que nos tirou daquele torneio. Nesta mesma partida, o lateral Branco saiu dizendo que havia pedido água ao massagista da equipe adversária e, depois de beber, tinha ficado zonzo. Estranhou que a água dada a ele não fosse do mesmo frasco entregue a Maradona. Ficou preocupado e comunicou ao bandeirinha. Depois, na volta para a concentração, dormiu no ônibus e continuou sonolento no dia seguinte. A história, que parecia uma desculpa pelo fracasso da Seleção em campo, acabou sendo comprovada pela imprensa argentina.
USA 1994
A copa do Romário, o baixinho arrebentou demais, Bebeto inventou a comemoração do embalo do bêbê e Tafarell, goleiro frio, de poucas palavras e poucos sorrisos, fechou o gol. Aquela foi a melhor Copa da minha vida, eu tinha 18 anos, foi tudo muito lindo. Assisti aos jogos na companhia de meu primo Gleuber e meu saudoso tio Ita (aquele do cano de 86).
Meu saudoso pai, Zé Penha, disse que o título foi sem graça, uma seleção retranqueira e tals. Concordo, mas o Romário deu show e me fez tomar incalculáveis litros de cerveja. Aquela foi a Copa.
França 1998
A Copa de 98, realizada na França, foi literalmente dos franceses. Aquele mundial era uma tragédia anunciada, já que o Romário foi cortado por conta de uma contusão. Mas o Baixinho deu a palavra de que estaria recuperado ao fim da primeira fase e eu botava fé nele, mas a comissão técnica não.
Chegamos a final contra os donos da casa, a partida marcou os torcedores. Um tal de Zidane, então desconhecido da maioria dos brasileiros, passou por cima da nossa seleção. Muitos discutem a possibilidade do Brasil ter “vendido” a final desta Copa. Poucos sabem o que realmente aconteceu na madrugada anterior ao jogo desta final, que resultou em um “bug ug” no Ronaldo Fenômeno, ainda um mistério para todos nós.
Japão e Coréia do Sul 2002
A copa de 2002 foi realizada em dois países, no Japão e Coréia do Sul. O zagueiro Roque Júnior calou a minha boca, eu critiquei muito o negão, mas ele defendeu com louvor. Com França e Argentina eliminadas na primeira fase e Itália fora (roubada contra a Coréia do Sul), pegamos a Alemanha na final, aí o Ronaldo lá na frente e o Marcos lá trás, arrebentaram.
Todo mundo chegou voando na copa de 2002. Até hoje, não sei se o Ronaldinho Gaúcho queria cruzar ou marcar aquele gol contra a Inglaterra, mas foi paidégua.
Uma particularidade daquela Copa foi o horário dos jogos, tivemos que beber de manhã e, ás vezes, amanhecer bebendo para ver os jogos.
Alemanha 2006
Não tenho muito o que falar sobre 2006. Apesar de um time de estrelas, a Copa foi palha para nós, quase não passamos por Gana e perdemos para a França, de novo, em um jogo que o Henry comeu a bola. A Itália venceu da França, com um futebol retranqueiro, o tal moderno, que fecha atrás e sai no contra ataque (modelo adotado pelo Dunga para 2010).
Tomara que a Copa de 2010 seja nossa, vamos Brasil!
  • Avatar

    Cara, eu amo futebol, amo copa do mundo, acho tudo bacana! A copa que me marcou sem dúvida foi a de 94. Super emcionante! Mas a de 2002, pra mim foi foda.
    A Sofia nasceu no dia do primeiro jogo do Brasil no mundial! Lembra?
    E vamo que vamo, rumo ao hexa!

  • Avatar

    eu amo futebol, com certeza é uma das melhores invenções da humanidade…o futebol é uma das únicas coisas que me fazem não ser uma pessoa “do contra” não só por ser brasileiro, mas por ser flamenguista tbm…mas mesmo assim, eu não deixo as minhas críticas de lado..o robinho é superestimado, o felipe melo é um merda, gilberto silva é troglodita que deveria ser jogador de rugbi, o kaká é um bambi, o luiz fabiano não vem sendo nada fabuloso, e o dunga é um técnico imbecil e teimoso..mas isso tudo some quando a bola rola…e eu tbm vou estar ansiosamente esperando a hora do gol, seja ele feio ou bonito..regular ou não…o que importa é a alegria de todos nós…a galera se abraçando, gritando, pulando, virando os copos…afinal, é copa do mundo, e a proxima vai demorar muito mais se agente perder essa!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *