CIDADE DAS ÁGUAS. De Voice of Spring ao Profeta do Ver-O Peso – Por Fernando Canto

Foto encontrada no blog “O Canto da Amazônia”

Por Fernando Canto

Tenho o hábito de reler livros que apreciei um dia, mas que à época não sorvi direito a totalidade de seus escritos. Hoje, ao imergir nas profundezas de um livro publicado pelas editoras Paka-Tatu e RGB, em 2004, o “Cidade das Águas”, louvo os textos dos autores Ronaldo Franco e Alfredo Garcia, ambos paraenses.

Numa soberba homenagem à Belém e sua chuva, os poetas realizam uma espécie de libação memorial à Cidade das Mangueiras, despindo-a de máscaras e conduzindo a observação imprescindível nos detalhes, a matéria-prima que os poetas transformam em literatura. Em “Cantos sobre a Cidade das Águas” há a estrofe: “Não é o som do rio que ouço/ mas o caminhar do vento/ Pelas sombras/ Mapeando as entranhas/ Do verso/ Indo ao mais longe/ Da memória”. São poemas sobre poemas como o 15º, onde se evocam fantasmas num tempo suspenso no arranha-céu da lembrança, pois: “Os sopros da memória/ Rascunham versos/ Nos caminhos do vento/ E este abre a janela/ Dos casarões/ Onde ainda valsam/ Pelos corredores/ senhores de pincenê/ Senhoras farfalhando/ Alegres/ e se pode ouvir/ Risos às escâncaras/ E volteios delicados/ Ao som/ De Voice of Spring.” Ronaldo Franco ainda nos brinda com poemas como “Esse Ruy é minha rua” e com a crônica “Procura-se”, quando vivifica e tange o desejo [do] brasileiro em tradução livre do poeta: “Nádegas brasileiras. A nossa pátria abunda. Nádegas japonesas, nunca! Nádegas comunistas convocam posseiros. Viva as nádegas de Raimundas!”

Depois vem Alfredo Garcia, poeta respeitável e prosador aguçado com seu “Barca Barroca: Contos do Ver-O-Peso”, onde “O Profeta em Delírio no Ver-O-Peso” explicou: “Porque será só como uma só noite infinda. Assim será, oh sim, quando vier o que está escrito. Porque não haverá este rio, esta calmaria de cidade dormitando pelas ruas da tarde, assim como ora veem. Muitos e muitos rios, um grande desassossego brotará de todos os lados.”

“Cidade das Águas” antes de ser apenas um livro plural, é uma reunião de textos de qualidade. Cada verso, cada frase aborda o habitat desses poetas que absorvem, espremem e põem ao coarador literário um pano memorial eivado de crítica e de ternura pela cidade de Belém.

Feliz aniversário, Renato Santos!

Como todos sabem, gosto de parabenizar os amigos em seus aniversários. Quem roda o calendário neste domingo (24), é o pai, filho e marido amoroso, empresário e proprietário R. Santos Materiais de Construção, ilustre filho de Laranjal do Jari, além de muito meu brother, Renato Santos.

Renato é um cara virado, trabalhador, inteligente, bem humorado, observador, e gente finíssima. Um figura sorridente, prestativo, sensato e equilibrado, entre outras paideguices, sobretudo, um homem de bem.

Gosto muita do Renato. Nutro respeito, consideração e brodagem pelo cara. Ele é demais paid’égua!

Renato, mano velho, que sigas pisando forte em busca de seus objetivos e que tudo que você conceitua como felicidade se concretize. Que tenhas sempre saúde e sucesso junto aos seus amores. Parabéns pelo teu dia e feliz aniversário!

Elton Tavares

Poema de agora: (A) POETA DEUS – De Ori Fonseca para Pat Andrade

A poeta Pat Andrade – Foto Paulo Rocha.

(A) POETA DEUS

“Deus é bom! Obrigada”, disse a poeta
Deus se ri dela que acredita
Deus chora a me pedir que acredite.
A poesia é um jogo de crenças
Eu acredito em Pat
Pat acredita em Deus
Deus não acredita em ninguém
A poesia acredita em tudo
Eu, mudo, quero Pat em tudo
Pat, quer Deus, o orador mudo
A poesia quer a todos, eu escuto
Deus não quer ninguém.
Tá puto!

Ori Fonseca

Hoje o Aog Rocha gira a roda da vida. Feliz aniversário, amigo! – @aogrocha



Hoje gira a roda da vida o velho e querido amigo, Aog Rocha. Apesar de ter perdido totalmente o contato com o cara, ele sabe que é um brother considerado por este jornalista aqui.

Aog é biomédico, artista plástico, pirata dos bares, produtor cultural, remista e tricolor (freguês), cinegrafista, professor de fotografia, entusiasta do underground, humanista, colaborador deste site e fotógrafo PHoda, Aog Rocha.

Aog é um homem trabalhador, sem frescura e do bem, excelente profissional e um amigo querido, apesar de hoje em dia termos raros encontros. Além de mim, Aog possui uma legião de amigos, principalmente no movimento cultural e artístico do Amapá. Sim, ele é queridão da galera.

Aog é mais um paraense que escolheu o Amapá para viver. Um cara de boa índole com quem tive o prazer de trabalhar e constatei que ele não é só gente finíssima no convívio social, mas também no trampo. Realmente um ótimo profissional, em todos os aspectos. É competente, discreto, não reclama e é muito prestativo. Dono de um de olhar diferenciado que costuma fazer belas fotos.

Conheci Aog Rocha em 2000, quando eu e Edmar Campos (o “Zeca”), tínhamos um bar no bairro Santa Rita, em Macapá (AP). Bons tempos aqueles, pois fizemos muitas amizades por conta do saudoso estabelecimento.

Depois, convivi bastante com Aog na faculdade Seama, sempre acompanhado de seu melhor amigo, Alexandre Brito.

Bom, como já disse aí em cima, admiro Aog Rocha como pessoa, um cara simples e essencialmente do bem. Aê, mano, tenho orgulho de dizer que és meu amigo. Espero que um dia, a gente divida os perrengues diários novamente. Enquanto isso não acontece, vamos nos encontrando nas mesas de bar e nas festas de rock.

Parceiro, que tenhas sempre saúde e ainda mais sucesso. Sigas na busca dos teus sonhos. Torço para que consigas alcançar teus objetivos e que sejas sempre feliz. Meus parabéns e feliz aniversário!

Elton Tavares

*Texto republicado, mas de coração. 

Meus parabéns, Danilo Maldonado!

Com o Danilo Maldonado. Belo Horizonte (MG), em 2015.

Hoje aniversária o pai amoroso de gêmeos, skatista, profissional de T&I, trabalhador, batalhador, safo, maluco gente boa e homem de bem, Danilo Maldonado. Nem lembro há quanto tempo conheço o figura, mas gosto muito do sacana. A gente sempre se encontrava no antigo Bar da Euda e batia uns papos.

Danilo é prestativo, muito prestativo. Quando estive em Belo Horizonte (MG), em 2015, ele me levou em alguns locais maneiros, onde tomamos alguns litros de cerveja e batemos papos legais. Tenho respeito, consideração e amizade pelo sacana.

Maldonado é um cara tranquilo, trabalhador, inteligente, esforçado e muito gente fina. Amante de Rock and Roll e de cervas enevoadas, o maluco é brother e consideradão da galera.

Danilo, mano velho, que tenhas sempre saúde e sucesso junto aos seus amores. Parabéns pelo teu dia e feliz aniversário!

Elton Tavares

*Texto republicado, mas de coração. 

Feliz aniversário, João Ícaro! – @mendigato_

Ícaro, eu e Herval (outro brother nosso) – King’s Pub – 2016

O bartender do restaurante 313, ex-gerente do King’s Pub, namorado da Fabryne, mestre em birita, fã de Rock and Roll e cinema, além de querido amigo deste jornalista, João Ícaro.

Conheci o Ícaro em 2015. O cara é gente fina demais. Um figura trabalhador, honesto, inteligente, prestativo, irreverente, engraçado, observador e de bem com a vida e dono de um humor invejável.

Passei noites inteiras batendo papo com o sacana durante dois anos, período em que bebi no King’s Pub pelo menos duas vezes por semana (tinham semanas que era toda noite). Papo sempre bacana, regado a som firmeza e bons gorós. Sem dúvida alguma, ele é um cara autêntico. Sobretudo, um homem de bem.

João Ícaro em ação, no 313. Moleque bom!

Ícaro, mano velho, que tenhas sempre saúde e sucesso junto aos teus amores. Que teu novo ciclo seja ainda mais promissor. Parabéns pelo teu dia e feliz aniversário!

Elton Tavares

Feliz aniversário, Maurício Abdon! – @luismabdon

amigos111111

Hoje (13) é aniversário do Doutor, pesquisador, atleta de dominó, professor universitário, servidor do Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Estado do Amapá (Iepa), metaleiro, amante de Rock and Roll, leitor deste site, torcedor fervoroso (sofredor convicto) do Clube do Remo e amigo gente boa, Maurício Abdon.

Maurício é um cara paid’égua. Sempre sorridente e divertido. É um prazer encontrá-lo nos eventos de Rock em Macapá. Conheci o figura por meio da “galera da piscina”, velhos amigos que temos em comum.

Sem muita firula, desejo a você, Maurício, muitas bênçãos em sua vida. Saúde, paz e mais sucesso (muita onda porreta também). Meus parabéns e feliz aniversário, meu amigo!

Elton Tavares

*Republicado, mas de coração. 

Sucesso, Evandro Milhomem!

Evandro Milhomem – Foto: GEA

Hoje (12) o sociólogo Evandro Milhomem foi efetivado como titular da Secretaria de Estado da Cultura (Secult). O novo secretário é ex-vereador de Macapá e ex-deputado federal pelo Amapá por várias legislaturas. Também já atuou como gestor de outras pastas no Poder Executivo estadual e municipal ao longo dos anos, como nas áreas de trabalho, emprego, social e, recentemente, secretário municipal de Relações Institucionais.

Articulado, inteligente e sempre aberto ao diálogo, transita por vários grupos políticos com destreza e credibilidade. Portanto, experiência e competência não lhe faltam.

O conselheiro substituto do TCE/AP, Pedro Aurélio Tavares (meu tio) e o novo secretário de Cultura, Evandro Milhomem (velho amigo nosso) – 7 de março de 2019

Além de tudo, é um velho amigo meu e de minha família. É, Evandro Milhomem é um grande cara, não somente por sua altura, mas pela trajetória.

Por tudo dito acima, desejo sucesso ao novo administrador da Cultura amapaense. Sucesso, amigo!

Elton Tavares

Hoje é o Dia do Bibliotecário – Viva os nobres profissionais!

1982234_595633303855509_834302931_n-1 (2)

Hoje é o Dia do Bibliotecário. A celebração da data é em razão do nascimento do escritor e poeta Manuel Bastos Tigre, primeiro bibliotecário concursado do Brasil. O dia foi instituído pelo Decreto nº 84.631, de 12 de abril de 1980, por isso é comemorado em todo o território nacional em 12 de março.

Os bibliotecários são profissionais fundamentais para a formação de milhares de pessoas que buscam nos livros conhecimento e sabedoria. Eles cuidam do acervo, cadastram todo o material bibliográfico para o empréstimo ao público, além de renovar as obras e arquivamento de documentos. Portanto, auxiliam na disseminação da informação, conhecimento, desenvolvimento cultural e social do país.

Daina Silva e Josivaldo Silva

Portanto, hoje rendo homenagens a todos os bibliotecários do Amapá e do Brasil em nome  dos amigos Daina Silva e Josivaldo Silva, bibliotecários do MP-AP e Senac/AP, respectivamente e a minha bibliotecária ´referida (que desenvolve um grande trabalho na Embrapa/AP) e minha muito querida amiga Adelina Belém, nossa estimada “Adê”.

Profissional experiente na área, Adelina já foi bibliotecária da Escola Santa Bartolomea, Sesc/AP, faculdades Fama e Seama. Além de extremamente competente e culta, ela é um doce de pessoa e uma amiga muito querida. Parabéns pelo seu dia, Adê!

A bibliotecária Adê Belém com o filósofo e escritor Mário Sergio Cortella – Foto: Elton Tavares

Manoel Tigre

Manoel Tigre prestou concurso para ingressar no Museu Nacional do Rio de Janeiro como bibliotecário e assim se classificou em primeiro lugar com o estudo sobre a Classificação Decimal. Transferido, em 1945, para a Biblioteca Nacional, onde ficou até 1947, assumiu depois a direção da Biblioteca Central da Universidade do Brasil, na qual trabalhou, mesmo depois de aposentado, ao lado do Reitor da instituição, Professor Pedro Calmon de Sá.

Fonte: Wikipédia
Elton Tavares

Concurso da Assistência Social: habilitados são convocados para exames documentais e médico

A Prefeitura de Macapá divulgou na sexta-feira, 8, o Edital nº 012/2019-PMM/Semad, convocando os candidatos habilitados no concurso da Assistência para realização dos exames documentais e médico. O edital está disponível no link:

http://macapa.ap.gov.br/arquivos/publicacoes/concurso_publico/resultados/semast/Edital%20de%20Convoca%C3%A7%C3%A3o%20012.pdf

Estão sendo convocados os primeiros 56 habilitados. Sendo estes, assistente social (25), psicólogo (12), sociólogo (06), terapeuta ocupacional (03) e educador social (10). Eles devem estar atentos ao cronograma de entregas das documentações. A fase de exame documental acontecerá na sede da Macapá Previdência (Macapaprev), na Rua Rio Juruá, nº 05, bairro Central.

Posterior ao ato de entrega dos documentos, receberão encaminhamento para a Junta Médica, que deverão comparecer pontualmente, no prazo de até dois dias, contados da data de entrega da documentação, para a realização da fase do exame médico. A Junta Médica do Município estará instalada na UBS Cidade Nova, na Rua Beira Rio, bairro Cidade Nova I.

Os atendimentos serão feitos de segunda a sexta, das 9h às 12h e das 14h às 18h, e aos sábados pela manhã, das 9h às 12h. Na ocasião, deverá ser apresentado os resultados de todos os exames exigidos obrigatoriamente, conforme o edital do certame. Serão obrigatórios no exame documental, original e cópia, da cédula de identidade, comprovante de residência atualizado em nome do candidato ou, na ausência de possuir este comprovante em seu nome, deverá apresentar declaração de residência, título de eleitor.

Também são exigidos a certidão negativa da Justiça Eleitoral, carteira de reservista concernente ao serviço militar, se do sexo masculino, certidão negativa cível e criminal da Justiça Federal do Amapá, certidão negativa cível e criminal da Justiça Estadual do Amapá, CPF, comprovante de situação cadastral emitida no site da Receita Federal, carteira de trabalho, diploma, registro no respectivo órgão de classe para os cargos de nível superior, certidão de casamento ou declaração de união estável, certidão de nascimento ou Termo de Adoção dos filhos menores de idade, duas fotos 3×4, declaração firmada pelo candidato da existência ou não de vínculo funcional com a União, Estados e Municípios.

Na fase do exame médico, os candidatos deverão apresentar o hemograma; EAS; Parasitoses das Fezes; VDRL; Anti HCV; HBS AG; Glicemia de Jejum; Raio-x do tórax com laudo; Eletrocardiograma com laudo (acima de 50 anos de idade); PCCU (para mulheres); PSA total e livre (para homens acima de 45 anos); Fator RH e tipagem sanguínea. Com a avaliação médica e da avaliação dos exames complementares, o candidato será considerado apto ou inapto para o exercício do cargo.

Assessoria de comunicação/PMM
Contato: 98115 0853

Meus parabéns, Thomé Azevedo! – @ThomeAzevedo (aniversário do querido cineasta)


Hoje aniversaria o servidor público, produtor, roteirista e Diretor de Televisão, com passagem pela TV Cultura do Pará, diretor e ator de teatro, publicitário, radialista, especialista em marketing, cineasta e documentarista, membro da Associação Brasileira de Documentaristas e Curta-metragistas do Amapá (ABDeC-AP), militante da cultura amapaense e renomado profissional do audiovisual amapaense, Thomé Azevedo.

A reputação de Thomé o precede. Eu já sacava o cara muito antes de conhecê-lo. Aliás, nem sempre como o encontrei na vida. Provavelmente foi em uma mesa de bar (risos). O cara é inteligentão e inventivo, um figura que é tão competente, quanto gente boa.

Com mais de 53 voltas em torno do sol, Thomezinho possui uma brilhante e maluca trajetória artística. E que vida!

Thomé, amigo querido, que tenhas sempre saúde e sucesso junto aos seus amores. Que teu novo ciclo seja cinematográfico e engenhoso, como sua brilhante carreira. Parabéns pelo teu dia. Feliz aniversário, mano velho!

Elton Tavares

Feliz aniversário, Dulcivânia! (@DulcivaniaF)

Com as jornalista Celle Nunes e Duci Freitas

Gosto de parabenizar amigos em seus natalícios, pois declarações públicas de amor, amizade e carinho são importantes pra mim. Quem gira a roda da vida nesta quarta-feira de cinzas é a colorida (de tanta alegria que ela irradia) jornalista Dulcivânia Freitas.

A “Dulci”, como a chamo carinhosamente, veio de Guarabira (PB), passou por Belém (PA) e, para nossa sorte, ancorou em terras tucujus. Com credibilidade e carisma junto à imprensa, é senhora do seu ofício.

No Amapá, aliás, desenvolve um brilhante trabalho há anos. Além de competente assessora e analista de Comunicação da Embrapa/AP, ela é uma jornalista querida por todos na imprensa amapaense. E nós, seus amigos (que não são poucos), amamos essa mulher.

Dulci também é a mãe dedicada e amorosa do “pequeno lord” e esposa apaixonada do também gente boa Ricardo (infelizmente, só tomei cerveja com ele uma vez na vida). Além disso, é a louca das selfis (ela consegue fazer mais fotos que eu), fã de boa música, extrovertida, carinhosa, muito inteligente, sagaz, simpática, palhaça, prestativa, e divertida.

Jornalistas Mariléia Maciel, Dulcivânia Freitas, eu, Alcinéa Cavalcante e a fotojornalista Márcia do Carmo. Gente querida!

Já disse e repito: se alguém não gosta da Dulci, desconfie desta pessoa. A admiro. Sempre admirei. Não somente pela excelente profissional que é, mas pela pessoa íntegra e de caráter incontestável que essa mulher possui.

Enfim, este texto é um registro do carinho, respeito, amizade e amor que nutro por Dulcivânia Freitas. Queridona, que teu novo ciclo seja ainda mais porreta. Saúde e sucesso sempre. Parabéns pelo teu dia e feliz aniversário!

Elton Tavares

Meus parabéns, Antônio Fernandes! Hoje é aniversário do Malária!

Hoje é aniversário do marido da Aline, pai de três lindos moleques, dedicado consultor técnico, talentoso arquiteto, experiente skatista e brother “das antigas” Antônio Fernandes, o popular “Malária”. Trata-se de um home de bem, trabalhador e gente fina. Um velho e querido amigo.

Antônio é um cara importante para a cultura underground amapaense. Ele fez história quando foi vocalista de uma das melhores bandas que tivemos em Macapá, a Little Big. Eles tocaram juntos da segunda metade dos anos 90 até meados de 2002. Os caras agitavam qualquer festa. Quem foi ao Mosaico, African Bar, Expofeiras, Bar Lokau, festas no Trem Desportivo Clube e Sede dos Escoteiros sabe do que falo.

Naquela época, tomei muitos porres memoráveis com o Malária, sempre ao som de Rock, papo bacana e rodeados de amigos.

Antônio virou pai de família e dá conta do recado de forma sublime. Gosto de ver sua evolução profissional e estou feliz pelo seu sucesso, pois ele batalhou para ser o excelente profissional que é hoje.

Hoje em dia, a gente pouco se encontra, mas quando rola, é festa, pois eu e Antônio Malária nos gostamos muito, coisas assim que o tempo não destoa. Só fico puto pelo motivo do sacana não envelhecer. Engordei pra caralho e tô cheio de cabelos brancos. Malária completa 44 invernos com a mesma cara de 1994 (risos).

EuMalariaeEdricy
Edricy, eu e Malária – Underground Clube Rock Bar – 2015 – Foto: Aline Amaral

Malária, mano velho, que a força sempre esteja com você. Desejo tudo de melhor pra ti e sua linda família. Que tenhas sempre saúde e sucesso. Meus parabéns e feliz aniversário!

Elton Tavares

*Texto adaptado e republicado, mas de coração.

Feliz aniversário, Leandro Bicudo!

Hoje é aniversário do saxofonista, violonista, um dos grandes instrumentistas amapaenses, tenente do Corpo de Bombeiros Militar do Amapá (CBM/AP), instituição da qual integra a banda, pai amoroso de três filhos e e velho amigo meu, Leandro Coutinho, o popular “Leandro Bicudo”.

Leandro é um cara gente boa demais. Bicudo também é ciclista e integra o grupo que pedala pelas ruas de Macapá, rodovias e estradas do Amapá, além de promover o “Pedal Retrô”, quando usam roupas e bicicletas antigas para fazer uma passeio porreta pela capital amapaense.

Eu e Bicudo, no antigo Underground Rock Club – 2015

Leandro é um músico de alto nível e como roqueiro, integrou a Banda Cidade Oculta, que embalou a juventude de Macapá lá pela segunda metade dos anos 80 (os outros caras do grupo eram Alexandre Patifão, Helder, Célio e Adriano Bago). Quem faz boa música é foda! É o caso do Bicudo.

Admiro o Leandro talento musical, tranquilidade e serenidade. Sim, um baita cara porreta. O brother, criado no Formigueiro (centro de Macapá) chega aos 47 anos de vida com uma índole invejável e caráter inabalável, pois ele é um homem de bem.

Eu e Leandro, na semana passada, durante um evento do CBM/AP.

Enfim, Bicudo, sabes que és considerado e este texto é somente um registro da amizade e respeito que tenho por você, mano velho.

Meus parabéns e feliz aniversário!

Elton Tavares