Skatista amapaense faz “vaquinha virtual” para participar de final do Campeonato Nacional Amador, em São Paulo (bora ajudar)

O skatista amapaense Gabriel Miranda, de 19 anos, se classificou, em seletiva realizada para a região Norte de skate, para a final do Campeonato Nacional Amador, que será realizado em São Paulo (SP), no dia 14 de dezembro de 2019. Entretanto, o atleta não possui apoio institucional e, sem dinheiro para a viagem, ele precisa fazer uma “vaquinha virtual” para ir até a capital paulista disputar a competição.

É sempre absurdo quando um caso destes vem a público e um atleta de alto nível precisa levantar dinheiro para representar o Amapá. Injusto, mas não incomum, infelizmente.

Gabriel relatou ao site Blog De Rocha que possui skate desde os 3 anos de idade e que, entre suas memórias afetivas, lembra que sempre admirou o esporte, mas que começou a “andar de carrinho” somente aos 11 anos.

Logo aos 12 anos, Gabriel começou a se destacar no skate e se desenvolver como atleta da modalidade. Ele contou ainda que sempre conseguiu boas colocações em campeonatos regionais. A seletiva amazônica para a competição nacional aconteceu em Belém (PA), no último dia 27 de outubro. Skatistas de vários estados participaram da fase classificatória, onde Miranda alcançou o segundo lugar. Ao todo, três competidores nortistas conseguiram o índice para o torneio nacional.

Miranda falou sobre os problemas da prática de skate no Amapá, como falta de pistas adequadas e o preconceito que os praticantes sofrem. “Várias vezes já tentaram me ofender com injúrias durante minha trajetória como skatista, mas nada muito grave”, comentou Gabriel, que sonha em ser um atleta profissional e incentivar os mais jovens.

“Estou na corrida pra me tornar profissional. Além de disputar o campeonato nacional, meu objetivo individual é crescer como atleta. Também pretendo instigar a prática dessa modalidade esportiva no Amapá, que está muito fraca no estado”, comentou Gabriel Miranda.

Na competição nacional estarão os 24 melhores skatistas da categoria no país. Na capital paulista, Gabriel ficará hospedado no alojamento cedido pela Federação Nacional de Skate, mas eles precisa custear passagens, alimentação e deslocamento na cidade.

Portanto, contamos com todos os que possam ajudar – com qualquer quantia – o skatista a representar o extremo norte do país em uma grande competição.

É bom ajudar! É raro um talento como o do Gabriel Miranda vingar sem apoio. Ele será o Amapá de skate em São Paulo.

Além disso, boas ações produzem sonhos felizes.

A vaquinha virtual pode ser acessada aqui: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/me-ajude-a-participar-da-final-do-campeonato-nacional-de-skate

Elton Tavares

Novas árbitras da FAF estreiam em jogos do Campeonato Feminino

Um time de oito novas árbitras está escalado para os jogos do Campeonato de Futebol Feminino do Amapá. Como árbitras assistentes e sob a supervisão atenta da Comissão Estadual de Arbitragem, as alunas têm suas primeiras experiências com a dinâmica do campo e a execução do que aprenderam em sala de aula.

As novatas estão em fase de conclusão do curso de formação promovido pela Escola Estadual de Arbitragem (EEAA), da Federação Amapaense de Futebol (FAF).

Marilene Matta, diretora da escola e da comissão de arbitragem, ressalta que esse momento de estágio supervisionado é importante para os alunos em formação, pois podem enfim sentir a emoção e a responsabilidade que carregam a cada jogo.

“Achamos que o campeonato feminino seria uma boa oportunidade para a iniciação dessas profissionais, que apesar de estarem começando na prática agora, trazem muito conhecimento técnico na bagagem. Nossa equipe de instrutores está acompanhando cada uma nos jogos e já adianto que elas mostram muito talento para a missão”, disse Matta.

A EEAA possui atualmente 21 alunos em processo final de formação. O curso tem duração de 240 horas e a formatura está prevista para o dia 15 de dezembro. Além das aulas de pilares técnicos, os novos árbitros têm aulas de preparação física e preenchimento de súmulas.

A FAF conta com 120 profissionais formados atuantes nos jogos regionais, destes, 27 são mulheres. Samaria Santos é uma das profissionais amapaenses que recentemente recebeu aulas do RAP FIFA, curso promovido pela CBF em Águas de Lindoia, São Paulo.

Campeonato

O Campeonato Feminino de Futebol reúne nove times em cinco rodadas até a chegada nas semifinais, previstas para acontecer em duas partidas nos dias 06 e 07 de dezembro. A grande final está marcada para o dia 11 de dezembro.

Comunicação FAF

Prefeito de Macapá dá largada à fase final do 43º Torneio Interdistrital de Macapá

Depois de 265 gols, 161 jogos e mais de 3.500 atletas durante as fases eliminatórias, ainda tem muita bola para rolar na 43ª edição do Torneio Interdistrital de Futebol de Macapá. Cercado por jogadores e apoiadores do esporte, o prefeito Clécio Luís deu início na manhã desta sexta-feira à fase final do torneio, que acontece nos dias 8, 9 e 10 de novembro, no Estádio Glicério de Souza Marques, o Glicerão.

Este ano, a disputa pelas vagas na final reuniu mais de 180 equipes que nem mesmo o calor do verão amazônico conseguiu afastar. Foram atletas que disputaram as etapas realizadas pela Coordenadoria Municipal de Esporte e Lazer (Comel) nos distritos de São Joaquim do Pacuí, Tracajatuba, Coração, Carapanatuba, Bailique, Matapi, Fazendinha, Santa Luzia do Pacuí, Pedreira e da comunidade do Maruanum.

O prefeito Clécio Luís enfatizou a importância do torneio para os distritos, ressaltando o sentimento de pertencimento que o esporte proporciona. “Por trás desses atletas tem uma família, uma comunidade, amigos e incentivadores que tornam essa competição mais do que especial. Existe uma mobilização para que essas pessoas cheguem aqui e realizem o sonho de jogar. Isso torna o campeonato Interdistrital o mais popular e democrático de Macapá. Envolve pessoas, atletas, gera felicidade e autoestima!”, enfatizou.

Ao todo, serão 39 jogos e 20 seleções masculinas e 19 seleções femininas disputando os prêmios. Para Naldima Flexa, coordenadora municipal de Esporte e Lazer, esse momento é a conclusão de um grande esforço realizado pela Prefeitura de Macapá. “Cada pessoa que embarca e vem para a final é uma grande alegria. Foram seis meses de distritais. Com muito empenho, conseguimos chegar aqui e trazer esses atletas”.

Do outro lado da rede, já em campo, Teresa Picanço, zagueira pela seleção de São João do Matapi do distrito do Coração, confessou que estava nervosa, mas confiante. “Todo ano nos preparamos muito para esse momento. E nós viemos para ganhar!”, exclamou.

Os jogos ocorrem durante os três dias de competição, das 8h às 18h, e a grande final ocorrerá no domingo, 10. O grande campeão, tanto no masculino quanto no feminino, ganha medalha, troféu e premiação em R$ 5 mil. O vice-campeão também recebe troféu e medalha, e mais R$ 3 mil. Já o terceiro lugar ganha R$ 2 mil, mais troféus e medalhas.

Jhenni Quaresma
Assessora de comunicação/PMM
Fotos: Max Renê

Jogos no Campeonato Não Profissional recomeçam dia 19 de novembro

Após suspensão dos jogos por impedimento de uso do Estádio Zerão, a Federação Amapaense de Futebol (FAF) retoma a tabela do Campeonato de Futebol Não Profissional do Amapá. A decisão é fruto de acordo entre a diretoria da federação e os presidentes dos clubes, anunciado em reunião desta terça-feira, 05.

Os dirigentes e a FAF entraram em consenso para retomada utilizando o campo do Santos –AP, em Macapá, e o Estádio Augusto Antunes, em Santana.

O campeonato foi suspenso na segunda rodada de jogos e será retomado com as partidas entre Cruzeiro X Nacional e Olímpicos X Portuguesa, no dia 19 de novembro, no Centro de Treinamento do Santos –AP.

O próximo jogo neste CT acontece no dia 26 de novembro, entre Mangueirão X MV-13 e Combatente X Rio Norte.

A terceira rodada de jogos acontece toda em Santana, com disputas entre Renovação X Olímpicos e Mangueirão X Combatente, com datas ainda em definição.

Participantes

Onze times disputam pelo título de campeão conquistado pelo Mangueirão em 2018. Os participantes estão divididos em duas chaves. São elas:

Chave A

Mangueirão (de Santana)

Cruzeiro (de Macapá)

Nacional (de Macapá)

MV-13 (de Macapá)

Rio Norte (de Macapá)

Combatente (de Macapá)

Chave B

Bare (de Ferreira Gomes)

Renovação (de Macapá)

Olímpicos (Santana)

Portuguesa (de Macapá)

Adec (de Calçoene)

Netto Góes, presidente da FAF, explica que os campos estão sendo organizados para receber os campeonatos Não Profissional e Feminino, e juntos vão fechar o calendário de 2019 da federação.

“Na segunda quinzena de dezembro devemos finalizar o Não Profissional e encerrar as atividades do ano consagrando o campeão. As datas finais da tabela vão ser divulgadas nos próximos dias”, concluiu.

Marcelle Nunes
Ascom FAF

Campeonato de Futebol Feminino começa dia 15 de novembro em Macapá

A Federação Amapaense de Futebol (FAF) confirma o início do Campeonato Feminino para o dia 15 de novembro (sexta-feira), com as primeiras disputas entre Ypiranga/Oratório e Santana/Trem, no campo do Santos- AP, em Macapá.

Este ano, nove clubes disputam pela vitória, divididos em duas chaves. Na Chave A estão Ypiranga, Oratório, Liga de Cutias, MV-13 e Esporte Clube Macapá. Compõem a Chave B os times do Trem, Santana, Liga de Amapá e Combatente Atlético Clube.

O campeonato terá cinco rodadas e 16 jogos até a chegada nas semifinais, previstas para acontecer em duas partidas nos dias 06 e 07 de dezembro.

Locais

Com a suspensão de atividades no Estádio Zerão para recuperação da grama, os jogos dessa temporada serão divididos nos campos disponíveis de Macapá e Santana. A decisão foi tomada em acordo com os presidentes dos clubes, para que o calendário não fosse afetado. As partidas se revezarão entre o campo do Santos –AP e o Estádio Augusto Antunes.

Todas as partidas serão transmitidas ao vivo pela FAF TV, na plataforma de streaming MyCujoo, e poderão ser acessadas através das redes sociais da federação.

O presidente da FAF, Netto Góes, agradeceu o envolvimento das equipes que compõem esse campeonato e garantiu que a disputa encerrará o ano com chave de ouro. “Temos nove equipes femininas nesse campeonato, todas empenhadas em conquistar a vitória. Vamos fechar 2019, o ano da Copa do Mundo Feminina, mostrando que as jogadoras do Amapá são as melhores”, concluiu.

A grande final do campeonato deve acontecer dia 11 de dezembro, com jogo no Estádio Augusto Antunes, em Santana.

Comunicação FAF
Marcelle Nunes

Times do Amapá jogam contra a homofobia nos estádios

Quem pôde acompanhar os jogos das últimas temporadas dos campeonatos promovidos pela Federação Amapaense de Futebol (FAF), viu que um novo passo em grupo foi incluído no ritual de início das partidas. Não se trata de superstições e orações pedindo pela vitória, mas sim, de uma manifestação por respeito nas torcidas.

Graças à resolução 001/2019 do Tribunal de Justiça Desportiva do Amapá (TJD/AP), os jogadores mostraram que antes da disputa entre adversários, vem o respeito ao próximo, dentro e fora do campo. Uma faixa contra homofobia foi o instrumento utilizado para mostrar aos torcedores que nossos desportistas jogam, antes de tudo, contra todo tipo de preconceito.

A campanha contra homofobia é resultado de acordos entre os clubes e o TJD/AP, para compensar penas e multas de faltas cometidas no decorrer dos jogos.

Arthur Lobo, presidente do Tribunal de Justiça Desportiva do Amapá, explica que esse movimento de conversão de penas começou em 2017, quando o TJD/AP passou a adotar essa possibilidade prevista no Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

“O código desportivo prevê a conversão de pena em medidas de interesse social. Muitas vezes, os clubes não tem dinheiro para arcar com as multas, e até 50% das penas podem ser convertidas. Sendo assim, iniciamos esse movimento de responsabilidade social que já trouxe temas como violência contra mulher, racismo e, este ano, a homofobia para o campo”, disse.

As conversões iniciaram em 2017 e desde então, também foram efetivadas campanhas de doações de sangue, fraudas geriátricas e cestas básicas como forma de conversão de penas ou execuções de transações disciplinares para os clubes punidos.

O presidente da FAF, Netto Góes, defende que o respeito vem antes de qualquer rivalidade. “Não apoiamos em nenhuma situação que palavras de incentivo esportivo na torcida deem espaço para gritos preconceituosos. Nossas campanhas são por um futebol livre de intolerância”, disse.

No Brasil

Em agosto desse ano, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva emitiu um ofício para clubes e federações do futebol brasileiro contra os casos de homofobia nas competições nacionais. A nota, assinada pelo procurador geral Felipe Bevilacqua, foi embasada em decisões recentes do Superior Tribunal Federal e da Fifa, que visam defender a diversidade na sociedade – e também dentro dos estádios.

Comunicação FAF

Disputa entre Mazagão e Santana abre os jogos das quartas de final do Intermunicipal

Começa nesta quarta-feira, 16, a rodada das quartas de final do Campeonato Intermunicipal 2019, realizado pela Federação Amapaense de Futebol (FAF). Oito times chegaram à essa fase do campeonato e o primeiro jogo entre as ligas de Mazagão e Santana acontece no Estádio Aluizio Videira, em Mazagão. Na partida de volta, que será realizada no sábado, 19, os times jogam em solo santanense, no Estádio Augusto Antunes.

A liga de Mazagão voltou ao campeonato com a desclassificação da liga de Pedra Branca, penalizada pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Amapá por não entrar em campo com todos os jogadores regularizados conforme determinação da CBF.

Próximas partidas

Os jogos da Chave F, entre Pracuúba e Calçoene, acontecem nos dias 23/10 (ida) e 26/10 (volta) nas próprias localidades sedes.

Pela Chave G, Porto Grande e Mangueirão se enfrentam nos dias 29/10 e 01/11, com partidas nos Estádios Augusto Antunes e C.Brito, em Santana e Porto Grande, respectivamente.

Os últimos jogos da rodada acontecem dias 06/11 e 09/11, entre Amapá e Cutias, nas próprias localidades sedes.

Os primeiros cruzamentos das semifinais estão marcados para começar dia 13/11 com local a definir. A final do Intermunicipal 2019 deve acontecer no dia 07 de dezembro, conforme planejamento da FAF.

Comunicação FAF
Marcelle Nunes

FAF aguarda julgamento de recursos para continuação do Intermunicipal 2019

O Campeonato Intermunicipal, promovido pela Federação Amapaense de Futebol (FAF), continua suspenso enquanto o Tribunal de Justiça Desportiva do Amapá (TJDAP) julga os recursos das ligas penalizadas por entrarem em campo com jogadores não regularizados no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF.

Em sessão de quarta-feira, 02, o TJDAP julgou procedente penalizar as ligas de Cutias, Pracuúba, Serra do Navio e Pedra Branca com a perda de quatro pontos na tabela. Com a decisão, as classificadas Cutias e Pracuuba, que tinham sete pontos, ficaram com três e Pedra Branca, que vinha com quatro pontos, perdeu tudo e foi automaticamente impedida de seguir para as quartas de final do campeonato. A desclassificação de Pedra Branca, classifica Mazagão, com dois pontos.

Recursos de jogos

A liga de Pedra Branca recorreu da punição ao TJDAP, e Laranjal do Jari ingressou com impugnação da partida jogada contra o Mangueirão no dia 28 de setembro.

Os recursos podem vir a conceder nova pontuação para os times, trazendo Pedra Branca e Laranjal de volta à competição.

Campo

A liga de Porto Grande também aguarda julgamento para saber se perde o mando de campo, já que foi penalizada por mau comportamento da torcida no último jogo no município. Caso o TJDAP decida manter a penalidade, o jogo terá que acontecer em outra sede, a ser definida posteriormente.

A sessão de julgamento das ações pendentes acontece na próxima quinta-feira, 10, a partir das 19:00, no Tribunal da Justiça Desportiva. Até que a Corte se reúna, a FAF aguarda para retomar o campeonato.

Marcelle Nunes
Comunicação FAF

FAF mantém partidas do Campeonato Não Profissional em Santana

Na sexta-feira, 04, os jogos do Campeonato de Futebol Não Profissional, promovido pela Federação Amapaense de Futebol (FAF), foram suspensos por obstrução no Estádio Zerão, que passará por recuperação do gramado nos próximos dias.

Os times que jogariam no Zerão não entraram em acordo para transferir os jogos para outro campo em Macapá. Para não comprometer todas as datas da tabela, a FAF manteve os jogos que serão realizados no Estádio Augusto Antunes, em Santana.

Dessa forma, estão confirmadas as disputas entre Baré e Portuguesa no dia 12 de outubro, e Mangueirão e Cruzeiro, no dia 19 de outubro. Na primeira partida, realizada no sábado, 05, Olímpicos perdeu de 1X0 para o Renovação.

Os demais jogos da rodada de classificação aguardam liberação para uso do Zerão. A Secretaria de Estado de Desporto e Lazer (Sedel) pediu 30 dias para o retorno das atividades em campo.

O presidente da FAF, Netto Góes, explica que a pausa não deve atrasar muito o calendário do futebol no Amapá: “entendemos essa pausa, sabíamos que a recuperação do Zerão era importante, chegamos a falar sobre isso com a Sedel. Agora, vamos manter os jogos de Santana e aguardar os próximos dias para voltar com força total no nosso campeonato”.

Campeonato

Este ano, 11 times participam da competição. São duas chaves, e os quatro primeiros colocados de cada grupo, avançam para a próxima etapa. O campeão recebe a missão de representar Macapá no Intermunicipal do próximo ano.

Marcelle Nunes
Assessoria de comunicação da FAF

Romaria dos Ciclistas é a primeira do Círio 2019 em Macapá

Nesta quinta, 26, a partir das 19h30, acontece a 6° edição da Romaria dos Ciclistas. A programação inicia o ciclo das romarias do Círio 2019, momento marcado pela demonstração de fé e devoção dos ciclistas do Amapá à Nossa Senhora de Nazaré.

Ela é uma das mais novas formas de homenagens. Iniciada em 2014, representa a preocupação da igreja com a educação no trânsito, a ciclomobilidade urbana e o incentivo à prática de atividades físicas.

Para o momento são esperadas pessoas que usam a bicicleta como seu principal meio de transporte, cicloturistas, atletas profissionais e praticantes eventuais do esporte.

O percurso deste ano terá como ponto de partida a sede do comando geral da Polícia Militar do Amapá, no bairro do Beirol. A chegada está marcada na casa de um devoto, por volta de 21h, onde acontecerá um momento de espiritualidade e agradecimentos.

Serviço:

Romaria dos Ciclistas
Dia: 26 de outubro (quinta-feira)
Hora: 19h30
Local: Comando Geral da Polícia Militar do Amapá.
Endereço: Rua Jovino Dinoá, Beirol

Percurso:

Rua Jovino Dinoá \ Av. dos Xavantes \ Rua Leopoldo Machado \ Rua Francisco Martins \ Rua do Araxá \ Rua Beira Rio \ Av. Henrique Galúcio \ Rua Raimundo Ozanan \ Av. Pedro Baião \ Rua General Rondon \ Chegada na casa do devoto.

Contatos:
Gerge Duarte (Asscom Círio 2019) – 98101-8788

III Open de Ciclismo da AMAAP homenageará o desembargador Dôglas Evangelista Ramos, pioneiro na implantação da Justiça Estadual

Acontecerá no dia 15 de setembro, no Circuito da Av. FAB, a tão esperada corrida ciclística da Associação dos Magistrados do Amapá (AMAAP). A largada será às 7h, da frente do Fórum Leal de Mira. Em sua terceira edição, as medalhas, troféus e prêmios serão cunhados com uma homenagem ao decano e pioneiro da Justiça Amapaense: o desembargador Dôglas Evangelista.

A competição, realizada em parceria com a Federação Amapaense de Ciclismo (FAC), visa incentivar a prática esportiva por meio do ciclismo.

A corrida será aberta para federados e amadores e as inscrições poderão ser feitas na sede da FAC, na localizada na Rua Manoel Eudóxio Pereira, Nº 1260, no centro de Macapá.

O evento surgiu em 2017 como mais uma forma de estimular a prática do esporte por magistrados e “Amigos da AMAAP”; poderão participar membros do Ministério Público (Federal e Estadual), Defensoria Pública, OAB, Tribunal de Justiça, Justiça Federal, Justiça do Trabalho, Justiça Eleitoral, procuradores do Estado, bem como os seus dependentes.

A corrida é uma prova de classe 3, a maior pontuação para provas de um único dia. A expectativa é que neste ano mais de 100 atletas de diferentes estados da federação participem, além de magistrados, amigos da magistratura, atletas da Guiana Francesa e crianças.

Todos os concluintes da prova receberão medalhas de participação. Os cinco melhores classificados receberão medalhas e os três primeiros um troféu cada. A modalidade será dividida nas categorias masculina e feminina, sendo as premiações separadas.

O Open de Ciclismo da AMAAP é uma forma de estimular a prática esportiva, os cuidados com a saúde e a integração entre os participantes. Este ano homenagearemos um de nossos pioneiros, o desembargador Dôglas Evangelista, que deu uma contribuição incalculável ao Judiciário Amapaense. Venha participar e conhecer a história de quem criou a Justiça Estadual do Amapá”, comentou a presidente da AMAAP, juíza Elayne Cantuária.

Serviço:

III Open de Ciclismo da AMAAP, em homenagem ao desembargador Dôglas Evangelista Ramos.
Data: 15/09/2019
Hora: largada às 7h, da frente do Fórum Leal de Mira.
Inscrições na sede da Federação Amapaense de Ciclismo, na localizada na Rua Manoel Eudóxio Pereira, Nº 1260, no centro de Macapá.
Mais informações pelo telefone: 96-98123-6255
Detalhes e inscrições pelo site: https://spark.adobe.com/page/6geFaLJSIo4aZ/

Assessoria de comunicação da AMAAP

Nova data: Campeonato Intermunicipal começa dia 17 de setembro

O Intermunicipal terá início na terça-feira, 17 de setembro, com a disputa das chaves C e D. A mudança de dia e alteração na ordem dos jogos foi confirmada pela Federação Amapaense de Futebol (FAF) na sexta-feira, 06.

As 16 ligas disputarão entre si em quatro chaves que foram sorteadas pela FAF. As duas melhores seleções de cada chave avançam para a segunda fase. As sedes dos jogos nos interiores foram definidas junto com as prefeituras envolvidas no campeonato.

A mudança não deve gerar grande alteração na data da final do Intermunicipal, prevista para acontecer na primeira quinzena de novembro, no Zerão.

As Chaves C e D abrirão o campeonato em Pedra Branca e Cutias, simultaneamente. Em seguida, acontecem os jogos das Chaves A e B, em Macapá e Amapá.

Chaves

• Mangueirão Esporte Clube, Liga Desportiva de Laranjal Do Jari, Liga Desportiva De Santana e Liga Desportiva de Vitória do Jari são os times da Chave A.

• As ligas de Amapá, Itaubal, Ferreira Gomes e Calçoene compõem a Chave B do campeonato.

• Na Chave C estão as ligas desportivas de Mazagão, Pedra Branca, Serra do Navio e Porto Grande.

• Cutias, Tartarugalzinho, Oiapoque e Pracuúba são as ligas da Chave D.

Comunicação FAF
Marcelle Nunes – 98106-4232

Amantes do futebol conhecem o campeão do Amapazão 2019 nesta quinta-feira, 29

O Estádio Zerão sedia o jogo final do Campeonato Amapaense de Futebol 2019 nesta quinta-feira, 29. A disputa pelo título de melhor do futebol profissional do Amapá será entre Ypiranga e Santos – AP, às 20:30.

O Santos vai para a partida precisando da vitória e o Ypiranga já se consagrada campeão com o empate em campo. Os ingressos serão vendidos na bilheteria do estádio por R$ 10 inteira e R$ 5 a meia.

Programação

A Federação Amapaense de Futebol (FAF) preparou uma grande festa para a noite da vitória. Para abertura do jogo, os torcedores assistirão uma apresentação técnica do Time Amapá Futebol de Amputados, que mostrará suas habilidades em campo. Esses atletas são os representantes do Amapá no Campeonato Brasileiro De Futebol de Amputados, que acontece em Sorocaba (SP), em outubro.

No intervalo, serão sorteados itens oficiais da CBF e uma moto zero km para os torcedores que estiveram nos jogos da temporada no Zerão.

O Tribunal de Justiça Desportiva também entregará no intervalo do jogo cestas básicas e itens de higiene pessoal para instituições sem fins lucrativos. O material é fruto de transação disciplinar com Ypiranga e Santos. O acordo jurídico permitiu a liberação de três atletas de cada clube para as partidas da final.

Transmissão

O jogo será transmitido pela equipe da FAF TV ao vivo pela plataforma de streaming MyCujoo. A partida ficará disponível para acesso na internet no link https://mycujoo.tv/video/fafap

Serviço:

Final do Amapazão
Data: 29/08
Local: Estádio Zerão
Horário:
· 20:00hs – Abertura apresentação técnica do Time Amapá Futebol de Amputados
· 20:30hs – Início do jogo Santos X Ypiranga

Marcelle Nunes
Ascom FAF

Interdistrital 2019: Tracajatuba receberá seletiva neste fim de semana

A bola irá rolar neste fim de semana no distrito de São Joaquim do Pacuí, mais precisamente na comunidade de Tracajatuba, distante 163 quilômetros de Macapá. É lá que ocorrerá a seletiva da 43ª edição do Torneio Interdistrital, considerada uma das mais importantes competições do futebol amador do estado.

Os jogos iniciarão no sábado, 31, a partir das 13h, e domingo, 1º de setembro, às 8h. A bola rolará com partidas nas categorias masculina e feminina. São esperados mais de 400 atletas e dirigentes das equipes, além de um grande número de torcedores. Anananzal, Campina de São Benedito, Dois Irmãos, Ramal Satiro, São Luiz, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Salamito, Vila do Damasio São Francisco do Alto, Tracajatuba I, II, III e Vila do Gordo confirmaram presença.

O Interdistrital promete movimentar a localidade, já que os empreendedores aproveitam para faturar com a venda de churrasquinhos, chopp, cervejas e refrigerantes. A disputa é organizada pela Prefeitura de Macapá, por meio da Coordenadoria Municipal de Esporte e Lazer (Comel), que inclui anualmente a programação esportiva no calendário de eventos.

A gestora da Comel, Naldima Flexa, explica que as equipes de Tracajatuba sempre figuram entre os finalistas na decisão, que ocorre na capital. Ano passado, o PSV, de Tracajatuba, foi campeã no feminino e vice no masculino. “Os times se reorganizaram e montaram as equipes de maneira que sempre algum deles é finalista na decisão. Será uma grande seletiva”, disse.

A seletiva irá premiar os vencedores com R$ 1 mil para o campeão e R$ 700,00 ao vice, em cada modalidade. O recurso ajuda as equipes com as despesas na fase final, prevista para ocorrer em outubro.

Jonhwene Silva
Assessor de comunicação/Comel
Fotos: Arquivo