Evento em Macapá oferece cursos gratuitos de artesanato

Artesanato_C_pia

Toalhas bordadas, colchas de fuxicos. Quem não gosta de ter sua casa enfeitada com artigos diferenciados? Para os fãs de artesanato, nos 14, e 15 de abril Macapá receberá o Momento Döhler. O evento itinerante, que atravessa todo o país, oferecerá 2 mil vagas em cursos ​gratuitos de artes manuais​, sorteios, música e dança, tudo sob o comando do artista plástico Marcelo Darghan.

Para a edição realizada em Macapá, o artista plástico preparou uma aula com a técnica de patch aplique. Todo o material utilizado na oficina será fornecido pela empresa catarinense Döhler S/A. É necessário levar, apenas, uma caneta e uma tesoura para auxiliar nos trabalhos. No final, os participantes levarão para casa a peça que confeccionarem.

“O Momento Döhler é um evento que atende não apenas as pessoas que gostam de artesanato. Ele oferece à população um evento divertido, educacional, terapêutico e de graça. Traz para a cidade um evento premiado e acessível a todos. Além disso, colabora com uma entidade local na doação de alimentos. Ou seja, é imperdível”, afirma Darghan.

Quem quiser colaborar com uma entidade beneficente, pode levar um quilo de alimento não perecível ao evento. As arrecadações serão destinadas ao abrigo de idosos São José.

——————
Serviço

Datas dos cursos: 14 de abril, das 14h ás 17h
15 de abril, manhã e tarde
Local: Salão Di Vetro – Avenida Antônio Coelho de Carvalho, 1213, Centro. Próximo ao Macapá Shopping
Inscrições: 0800 643 0214
Colabore com 1 kg de alimento não perecível para doação.
——————-

Marcelo Darghan

Artesão e artista plástico, Marcelo começou a fazer trabalhos de artesanato em 1989 com o objetivo de ensinar a confecção de enfeites de Natal. O número de participantes foi aumentando e o artista teve que pensar em novos métodos para transmitir seus conhecimentos ao público. Em um de seus cursos, realizado no Parque Ibirapuera, em São Paulo, reuniu mais de cinco mil pessoas. Foi então que concebeu movimentos com as mãos que facilitassem o aprendizado. Junto com letras e ritmos musicais, Marcelo criou sequências que tornaram mais práticas a forma de ensino e a memorização.

Fotos: Divulgação
Jornalista responsável
Vanessa Silva
(48) 3332-8000

Fonte: Blog do Calandrini

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*