Feliz aniversário, Cleomar Almeida!

Bedran, Emerson e Cleomar.

Conheço muitos sacanas bons de papo e que alegram qualquer roda de boteco, mas certamente tenho a sorte de ter a oportunidade de beber e rir dos três maiores nessa arte. São eles: Emerson Tavares, meu irmão; Fernando Bedran, mestre libanês e grande amigo e Cleomar Almeida, o nosso querido “Negão”, que aniversaria hoje.

Pois é, hoje o Negão tá de berço e como de costume ele não deve pagar nem uma menta. Mas tudo bem, a gente dá valor no cara mesmo assim. Abusando do seu anjo da guarda, Cleomar chega aos 44 anos. Ele gira a roda da vida mais uma vez. Quem bom pra ele e para nós, que temos o prazer de sua companhia.

Cleomar é um dos mais presepeiros, perspicazes e malandros (no bom sentido da palavra) entre os meus amigos. Ele é o marido da Nara, pai dedicado da Celina, Leonardo e da linda Mariah, funcionário público, engenheiro, laguinense boêmio, boemista, flamenguista, ciclista, Rei da “Birilândia”, sócio remido do Bar do Louro e Bar da Maria (no Empório do Índio ele não vai mais), maluco das antigas, farrista exemplar, marginal aposentado, boçal nível Pai Mei e fanfarrão considerado da galera.

Dono de célebres frases como “ajeitando, todo mundo se dá bem” e do “ei!” mais conhecido dos botecos da cidade, o cara é uma figuraça. Gosto muito do Negão e ele sabe disso. Não à toa, está incluso no meu grupo de amigos cervejeiros fuleiras. Até quando ele tá fazendo bico a gente curte.

Conheci o sacana em 1997, mas em Belém (PA) e a gente não se bicou, mas já contei essa história milhões de vezes. A gente virou “bróder”. Vivo a convidar o sacana para tudo, mas nem sempre ele dá o ar da graça. Aliás, ali a graça chegou e fez casa. Oh, bom humor e gaiatice invejável o cabôco tem instalada nele, rs. É porreta tê-lo por perto.

Eu queria ter o Negão sempre por perto, mas ele insiste em começar antes e depois não dá pra ajustar a frequência (risos). É como a frase de Paulo Sant’Ana: “tenho amigos que não sabem o quanto são meus amigos.”A verdade é que o Cleomar é um cara do bem, um grande pai, marido e amigo. A gente ama esse frescão.

Cleomar, mano velho, que teu novo ciclo seja ainda mais porreta. Que tu continues esse cara paid’égua e que sigas pisando forte em busca da felicidade. Saúde e sucesso sempre. Meus parabéns pelo teu dia e feliz aniversário!

Elton Tavares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *